Quanto preciso economizar para uma viagem de 30 dias pela Europa?

por | Atualizado em 19/03/24 | Dinheiro, França, Holanda, Itália, Londres, Portugal, Suiça

Você sabe quanto custa, em média, uma viagem para a Europa? O Renato perguntou quanto ele precisaria economizar para uma viagem de 30 dias para a Europa com a namorada, e decidi compartilhar aqui como calcular esses valores!

Quanto preciso economizar para uma viagem de 30 dias pela Europa
Arte de Alexandre de Nadal

Quanto preciso economizar para uma viagem de 30 dias pela Europa?

Em 2012, o Renato me perguntou quanto ele precisaria economizar para uma viagem de 30 dias pela Europa com a namorada. Ele pretendia conhecer França, Itália, Londres, Suiça, Holanda e Portugal, pagando a viagem à vista. Por isso, entrou em contato comigo para fazermos um orçamento e ajudar no roteiro.

Naquela época, o euro estava em R$2,30 e nós fizemos um cálculo médio de R$10.000,00 para o casal fazer uma viagem econômica.

Muito mudou desde então. Além do euro estar valendo, hoje (março/2024), R$5,47 – ou seja, mais que o dobro de 10 anos atrás -, o atual cenário político dos países e a inflação em grande parte do mundo alterou muito a média de gastos por pessoa em uma viagem.

Assim, decidi atualizar os valores e te ensinar a calcular por si só, em média, quanto custa viajar para a Europa. Dessa forma, independente do ano e da cotação, você pode fazer as contas e se organizar, sabendo exatamente quanto você precisa economizar para passar 30 dias (ou o tempo que quiser) na Europa.

É válido dizer que os valores que utilizo aqui como parâmetro foram estabelecidos pós-pandemia, e incluem hospedagem, transporte, alimentação e principais passeios (2 por dia) DURANTE a viagem. Ou seja, não está incluso a passagem intercontinental do Brasil para a Europa, seguro viagem obrigatório, compras particulares e demais gastos.

Apesar disso, no fim deste artigo indicamos outros artigos de planejamento financeiro para viagens aqui no blog que podem te ajudar a se organizar e se sentir seguro para sua próxima viagem.

Diferentes estilos de viagem e quanto se gasta em cada um

Sabemos que cada pessoa tem uma condição e estilo de viagem. Um mesmo valor pode ser útil para viajar por muito tempo de forma mais econômica ou por menos tempo de forma luxuosa. Por isso, coloquei aqui os diferentes estilos de viagem que costumo calcular e quanto, em média, se gastaria por dia em cada um.

Assim, você pode ver o que se encaixa melhor nos seus planos, gostos e vontades.

Mochilão (Até 70 € por pessoa/dia)

Esse perfil de viagem se encaixa com quem não se importa de abrir mão de um pouco de conforto, optando por quartos compartilhados, transportes econômicos e coletivos (e muitas vezes, andar a pé mesmo) e alimentação local.

Se bem que a alimentação eu sempre recomendo optar por isso, para incentivar o comércio local e se conectar com a cultura do lugar. Falo mais disso no artigo “Como viajar de forma sustentável“.

Enfim, levando em conta o valor máximo de 70 euros por pessoa, em uma viagem de 30 dias você gastaria em média 2100 euros por pessoa, 4200 por casal. Convertendo para reais, na cotação de hoje (março/2024), seria R$11.400 por pessoa ou R$22.800 por casal.

E estamos falando de um valor máximo, considerando o estilo da viagem “mochilão”. Ou seja, você pode gastar menos do que isso dependendo de suas escolhas.

Lembrando também que esses valores não incluem a passagem aérea intercontinental e o seguro viagem, obrigatório para viagens para a Europa.

Econômico (Entre 70 € e 140 € por pessoa/dia)

Viajar para a Europa está mais caro do que nunca. Antigamente, uma viagem econômica (não estou falando nem de mochilão) poderia custar até 100 euros por dia para um casal. Atualmente, apenas uma pessoa já gasta esse valor em hospedagem, alimentação e transporte por dia – e ainda é um valor mínimo.

Para quem quer economizar, mas ainda ter algum conforto, eu calcularia entre 70 a 140 euros por dia por pessoa, dando uma margem para quem é extremamente econômico e quem não é tanto assim.

Dessa forma, em uma viagem de 30 dias uma pessoa gastaria entre 2100 e 4200 euros, enquanto um casal ficaria 4200 a 8400 euros. Assim, convertendo para reais na cotação de hoje (março/2024), seria até R$22.700 por pessoa, e R$45.000 por casal.

Lembrando que esses valores não incluem a passagem aérea intercontinental e o seguro viagem. Saiba como adquirir passagens aéreas mais baratas no artigo “Como encontrar passagens aéreas mais baratas na internet“.

Confortável (Entre 140 € e 200 € por pessoa/dia)

Para quem não abre mão do conforto, mas não precisa de luxo, a média de valores é entre 140 e 200 euros por pessoa/dia. Considerando quartos privativos em hotéis ou aluguel de apartamentos, transporte público e, em uma necessidade ou outra, a possibilidade de translado privativo, alimentação sem se preocupar com valores, mas sem grandes exageros.

Nessa categoria também se encaixa quem prefere economizar em um ponto ou outro para exagerar em outros. Se você tiver vontade de fazer grande parte da viagem com carro alugado, por exemplo, se encaixaria nesse perfil ao economizar em outras questões. Pois como sabemos, o aluguel de carro hoje só no Brasil está por volta de R$200 o dia, sendo até econômico.

Se você optar por alugar um carro na sua próxima viagem para a Europa, temos um artigo completo para te ajudar nisso. Acesse “Aluguel de carro para viajar pela Europa – dicas para uma viagem segura e tranquila” e confira como se prevenir de cobranças abusivas, exigir seus direitos e prevenir dores de cabeça no seu aluguel.

Agora, voltando ao orçamento de uma viagem em perfil confortável por 30 dias na Europa. Fazendo os cálculos, essa viagem ficaria entre 4200 e 6000 euros por pessoa, e 8400 e 12000 por casal. Na cotação do euro hoje, março/2024, os valores seriam de até R$32.400 por pessoa e R$64.800 por casal.

Lembrando que esses valores não incluem a passagem aérea intercontinental e o seguro viagem. E se você não sabe como levar dinheiro para sua viagem, acesse o artigo “Qual a melhor forma de levar dinheiro para viagem? É mais barato com dinheiro vivo, cartão de crédito ou cartão pré-pago?“.

Luxo (Entre 200 € e 300 € por pessoa/dia)

Para quem não abre mão do conforto e opta por hotéis e restaurantes luxuosos, além de transportes privados, a viagem pode ter um custo em média de 200 a 300 euros por pessoa, por dia.

Nessa viagem, em 30 dias uma pessoa gasta entre 6000 e 9000 euros, enquanto um casal gastaria 12000 a 18000 euros. Na conversão para o real no dia de hoje, em março/2024, isso seria R$32.400 a R$48.600 por pessoa e R$64.800 e R$97.200 por casal.

Lembrando, é claro, que esses valores não incluem a passagem aérea intercontinental e o seguro viagem obrigatório para a Europa. Além disso, também não estão inclusos valores referentes à compras particulares, lembrancinhas e possíveis imprevistos.

Para saber tudo que você precisa para viajar para a Europa, acesse o nosso artigo “Como organizar a sua viagem pela Europa“.

E se você quiser ajuda nesse processo, em uma consultoria completa, antes, durante e depois da sua viagem, com a possibilidade de criar um roteiro totalmente personalizado para cada cidade que você passe, entre em contato! Ficarei feliz em fazer parte e poder auxiliar nesse momento tão especial.

Requinte (Acima de 300 € por pessoa/dia)

Esse perfil de viagem é para aqueles que realmente não querem fazer contas e pensar em gastos durante a viagem e, obviamente, podem fazê-lo. Se o dinheiro não for uma questão e você quiser viver o máximo de experiências da forma mais confortável possível, espere gastar NO MÍNIMO 300 euros por dia, por pessoa.

Assim, em uma viagem de 30 dias, uma pessoa gastaria no mínimo 9000 euros e um casal 18000. Na cotação do euro de hoje (março/2024), esses valores seriam R$48.600 por pessoa e R$97.200 por casal.

Lembrando que esses valores não incluem a passagem aérea intercontinental e o seguro viagem.

Mas é claro que, nesse tipo de viagem, restaurantes famosos em destinos conhecidos, translado das formas mais confortáveis e acomodação em lugares privilegiados são considerados. Se não se hospedar no centro, por exemplo, existem hotéis luxuosíssimos e maravilhosos mais distantes da cidade, que podem ser acessados facilmente com um carro. Assim, o aluguel de um carro também se encaixa aqui.

Além disso, minha grande recomendação é que você contrate guias de turismo especializados em cada cidade. Aqui no blog nós temos indicações de profissionais extremamente qualificados e reconhecidos, e todos falam português – sendo ou não brasileiros. Se você tiver alguma dificuldade com o idioma local, essa é a oportunidade de se familiarizar e ter um intérprete pessoal pelo tempo que contratar, dentro dos serviços oferecidos por ele. Leia neste artigo 5 motivos para contratar um guia de turismo na sua próxima viagem.

No total… quanto se gasta em média? 

Como visto no decorrer do artigo, o valor que se gasta em média em uma viagem de 30 dias pela Europa é extremamente relativo ao tipo de pessoa e perfil de viagem. Apesar disso, podemos estabelecer que para viagens econômicas se gaste por volta dos R$35.000 por casal e, em viagens luxuosas, esse valor pode passar facilmente de R$90.000 por casal.

É importante lembrar que é bem mais econômico e seguro sair do Brasil com as acomodações já reservadas, bem como tickets de transportes e informações sobre os lugares onde vai e os serviços que quer/precisa contratar. Alguns artigos que podem te ajudar nesse processo:

Outros artigos com planejamento financeiro de viagem

Se você ainda não se sente confiante e precisa de mais informações para se planejar financeiramente para sua viagem, não se preocupe! Aqui no Viajando Bem nós temos uma coleção completa sobre o assunto, além de oferecermos consultoria personalizada para viagens, que abarcam o tema.

Assim, preencha o briefing GRATUITO para ter uma análise personalizada da sua viagem e confira os demais artigos do blog:

Mande sua pergunta!

Esse artigo foi reescrito e atualizado com base em uma pergunta feita lá em 2012, no início do blog. Ao longo dos nossos 15 anos de história, vários outros comentários serviram como base para criarmos um conteúdo útil, completo e proveitoso para você, leitor e viajante.

Por isso, sempre que sentir, comente suas dúvidas, informações que tenha a acrescentar ou ideias. Assim, podemos construir um ambiente com muito mais informação de qualidade, atualizada e que atenda às verdadeiras necessidades de quem viaja!

44 Comentários

  1. Lia Carmolin

    Será que A europa oriental fica mais tranquila? (claro, evitando Ucrânia).

    Responder
  2. RAMA ROCHA

    Olá Rogério. Esse valor que você fala é por pessoa ou pro casal? (Entendo que o euro hoje está o dobro. Mas aí no caso eu precisaria em média de 20 mil e pouco pra casal.. pra fazer uma viagem de 30 dias?

    Responder
    • Rogerio Milani

      Bom dia Rama, tudo bem?!

      Exato, se o perfil de vocês for super econômico, média de 35/50 euros por pessoa/dia para hospedagem em hostel e dormitório compartilhado. Para um perfil econômico, 50/80 euros. Caso seja perfil normal, calcule algo como 120/140 euros por pessoa/dia para hospedagem, alimentação, ingressos e transporte público. E caso viaje para países fora da União Européia, considere a mesma média, só trocando a moeda. Por exemplo: 120 francos suíços para a Suíça, 120 libras para Inglaterra e por aí vai.

      Abraço!

      Responder
  3. Viajante


    Olá Rogério!
    Viajarei para Europa de 19 de novembro a 10 de dezembro (passagens já compradas), passando por 3-5 países e estou com dúvidas quanto ao planejamento da minha viagem. Porém, só tenho a intenção de resolver hospedagem e passagens de avião/trem entre os países da Europa quando tiver chegado lá.
    Acha que isso pode tornar a minha viagem mais cara? Acha que eu devo resolver esses problemas antes de chegar à Europa, mesmo com o continente em baixa temporada nessas datas?

    Responder
  4. Bruna RIcarte

    Oi Rogério, suas dicas são maravilhosas.
    Bom, estou me programando para passar 6 meses na Europa, mais precisamente na Espanha, pela Universidade. Precisarei pagar um lugar para ficar, e alimentação neste período e claro as passagens. Quero ser o mais econômica possível e estou em duvida de quanto precisaria guardar mais o menos para este período.
    Obrigada 🙂

    Responder
  5. Helena Vitoria

    Olá, seu blog é óóótimo!!
    Então as duvidas se vc puder me ajudar
    1. Vou viajar para a Suiça e ficar na casa de parentes, queria ver a neve, mas sofro muito com o frio, qual a época indicada pra ir?
    2. Terei bastante tempo pra aproveitar, um mês de férias e vou ficar hospedada em Lausana, mas gostaria de conhecer varias cidades e de ir tambem á Paris e quem sabe no Vaticano. Ficaria muito dificil? Estou bem perdida nessa questão.
    3.Li em alguns blogs que a comida na Suiça é muiiiito cara, é assim mesmo ou dá pra comer com dignidade sem vender um rim?
    Obrigada

    Responder
  6. Fernando

    Olla Rogerio muito bom seu blog, gostaria de sua opinião eu e minha esposa estamos indo passar 30 dias pela Europa de mochila em agosto chegando em Paris (04/08/14) e depois pela Alemanha Holanda Inglaterra e Itália qual seria sua dica com relação as cidades destes países, quanto tempo em cada cidade e o melhor meio de transporte entre as cidades? Outra pergunta nós sabemos que as férias dos europeus vão até final de agosto vc acha que isso pode deixar nossa viagem mais difícil pelos hostels estarem cheios?
    Obrigado

    Responder
    • Rogerio Milani

      Oi Fernando, tudo bem?!

      Respondi diretamente para teu email.

      Abraço!

      Responder
  7. Sheila Montenegro

    Oi, Rogério! Apaixonadíssima pelo seu blog! Parabéns!
    Bom, vamos às perguntas…rs…
    Próximo ano, 2015, farei 30 anos de casamento e para comemorar pretendo fazer uma viagem de aproximadamente 20 dias pela Europa e não quero contratar esses pacotes fechados de agências. Como será surpresa para marido, gostaria muito de um roteiro detalhado, pois é a primeira viagem que organizo sozinha. Não conheço a Europa e sou apaixonada por Paris, então essa gostaria de explorar mais.
    Muito obrigada! E mais uma vez, parabéns pelo blog!
    Abraços.

    Responder
    • Rogerio Milani

      Oi Sheila, tudo bem?!

      Te enviarei uma proposta por email, ok?!

      Abraço!

      Responder
  8. Guilherme

    Boa tarde,

    Eu e minha namorada estamos indo à Bélgica a convite da mãe dela; Nossa primeira viagem tanto de avião quanto internacional e por isso Tenho uma grande duvida: aproximadamente quanto eu devo ter de recursos para gastar por dia?

    obs: as passagens já estão compradas falta apenas o seguro.

    Responder
    • Rogerio Milani

      Oi Guilherme!

      Para uma viagem econômica, vá de 40, 50 euros por dia por pessoa. Para mais conforto, 75/100 euros. Para passar bem tranquilo, 150/200 euros por dia, para gastos com alimentação, ingressos, transporte público.

      Abraço!

      Responder
  9. Thamiris Meireles

    Ola Rogério. Seu Blog é simplesmente fantástico.
    Sou estudante de arquitetura e gostaria de fazer uma viagem pela Europa, de aproximadamente 30 dias… E queria saber de você, quanto (R$) mais ou menos irei precisar para fazer essa viagem. E tendo em vista a Arquitetura, gostaria de saber quais países vc me aconselharia visitar.
    Se vc puder me ajudar, ficarei imensamente feliz, pois preciso começar a economizar e planejar.
    Ah! Quero uma viagem estilo mochilao mesmo.

    Obrigadaa.

    Responder
    • Rogerio Milani

      Oi Thamiris! Brigadão pelos elogios!

      Por ter uma esposa arquiteta e também pelo tema interessar muito, minhas viagens são muito pautadas pelo tema arquitetura!

      Boas sugestões seriam Amsterdã, onde vale a pena contratar um guia da http://architecturetours.nl/. Fizemos um passeio/estudo de um dia pelas Docklands e valeu muito! Porto, em Portugal, também tem muito a conhecer. Vale traçar um roteiro pelo país para conhecer obras de Álvaro Siza e Souto de Moura. Recentemente estivemos em Louvan-la-Neuve, bem pertinho de Bruxelas, para conhecer o magnífico Musee Herge, o criador do Tintin. Roma por si só já é uma experiência arrquitetônica incrível e poderá conferir, a céu aberto, diversos locais sendo restaurados pelos arquitetos. Berlim é outra cidade que pede pelo menos uns 5 dias, pois tem muito para ver e descobrir, ela está em constante mutação, nunca para! Barcelona tem o plano diretor criado por Gaudí, as ruas chanfradas, além das obras que ele imaginou e criou, como Sagrada Família, Parque Guell, Casa Battló. Paris sempre tem muitas novidades e o Centre Pompidou está lá esperando para ser explorado!

      BUenas, eu poderia ficar o dia inteiro aqui, listando locais e locais que podem ser visitados sob o tema arquitetura. Se precisar de alguma informação adicional, me contate que verifico para ti, ok?!

      E sobre a grana, calcule algo como 50 a 100 euros por dia para gastos com hospedagem, alimentação, transporte local e ingressos, sendo 50 uma viagem super econômica e 100 uma viagem normal e confortável. Se conseguir uma média de 150 euros por dia, aí será uma viagem suuuuper confortável! 🙂

      Abração!

      Responder
  10. Felipe Brito

    Olá Rogério, a partir de 04 de novembro irei passar 14 dias na Europa, meu destino é Alemanha – Frankfurt, chegando lá um amigo estará me aguardando para seguirmos viagem de carro para a cidade onde mora Karlsruhe,pretendo rodar um pouco na Alemanha, França-Paris, Republica Checa – Praga, Holanda – Amsterdã, gostaria de saber se tem dicas de como aproveitar esses 14 dias nestes locais ou me passar dicas de outros locais interessantes e próximos. Levarei uma média de 70 a 80 Euros Dia, meu amigo quer alugar um carro para estes deslocamentos, vale a pena?

    obrigado! Aguardo suas dicas…Abraço

    Responder
    • Rogério Milani

      Oi Felipe, 70 a 80 euros por dia é uma boa quantia para os gastos com ingressos, transporte local e alimentação. Já saiam do Brasil com a hospedagem organizada.

      Sobre o carro, como a ideia de vocês são as grandes cidades, ele é dispensável. Entre as cidades poderão fazer de trem, e nelas o transporte público é barato e abundante, ok?!

      Abraço!

      Responder
  11. Dunyusha Grilo

    oi Rogério, tudo bem?
    Achei seu blog muito bacana e resolvi pedi uma ajudinha. rsrs
    eu e meu namorado estamos querendo fazer uma viagem pra Europa em setembro, ficando 10 dias viajando. Pensamos em passar por Portugal, Paris, Barcelona, Roma.

    Bom duvidas:
    A velha pergunta de sempre, quanto você acha que ficaria esse passeio, (fora as passagens porque vamos por milhagem).
    queremos uma viagem barata, mais sem perder o “romantismo do clima”

    Você indicaria começo ou fim de setembro?

    Conhece hotéis baratos com quarto pra casal?

    Compensa fazer o tour de trem ou avião?

    Acha o roteiro interessante, ou sugeria outro?

    Agradeço muito se puder dar uma sugestão.
    Abç

    Responder
    • Rogério Milani

      Oi! Para este tempo monte um roteiro com 3 cidades, no máximo!!! Senão passará voando por elas… E calcule un gasto diário de 75 ou 100 euros por dia o casal, com transporte público, alimentação e ingressos.

      Abraço!

      Responder
  12. Anonymous

    Olá! Gostaria de saber quanto de economizar para uma viagem de 20 dias pela Europa (Portugal, Espanha, França e Itália. Eu e meu esposo pretendemos viajar em julho de 2014. Gostaria de dicas dos lugares para visitar!
    Obrigadinha!
    Ani

    Responder
    • Rogério Milani

      Oi Ani, calcule uns 50 euros por dia por pessoa. Se quiser um pouco mais de luxo vá de 75. Se quiser passar muito bem, 100 euros por dia serão mais que suficientes. Além disso, acrescente o valor da passagem aérea, o seguro viagem e a hospedagem para chegar ao valor final e saber quanto precisará economizar, ok?!

      Abraço!

      Responder
  13. Anonymous

    sos!!!vou passar 30 dias muchilando pela italia e gostaria de saber uma ideia de quanto vou gastar nessa trip…estou com passagens compradas…sos

    ass ale beck

    Responder
    • Rogério Milani

      Oi Ale, calcule uns 50 euros por dia por pessoa. Se quiser um pouco mais de luxo vá de 75. Se quiser passar muito bem, 100 euros por dia serão mais que suficientes!

      Abraço!

      Responder
  14. FJeisi

    Oi Rogério, ano que vem pretendo fazer minha primeira viagem internacional, e escolhi a Espanha! Devo dizer que adorei o seu blog com super dicas e a cada dia me tranquiliza mais. Muito obrigada. Mas vamos a pergunta?
    Minha viagem seria conhecer mesmo a Espanha: Madrid, Barcelona, Ávila, Granada e Sevilla, 20 dias. Devo me programar para gastar quanto? E aceito sugestões, sobre a mudança de itinerário, devo me aventurar por outro país europeu, ou ficaria muito corrido devido ao tempo?
    Um grande abraço e mais uma vez, muito obrigada.

    Responder
  15. Luana

    Quando você fala em 75 a 100 euros pro casal é incluindo os deslocamentos entre as cidades??

    Responder
  16. bussulaonline

    Olá!

    No nosso blog há opções de hotéis incrivelmente econômicos na Alemanha e na Áustria, por exemplo. Confiram o Das Park Hotel, estilo pay as you wish: http://migre.me/7A7k7

    Abraços!

    Responder
    • Rogerio

      Muito legal o blog e os incríveis hotéis! Vale como consulta para todos os leitores!

      Abraços!

      Responder
  17. Solange Evangelista

    Olá Rogério! Tudo bem ?!
    Eu e minha mãe vamos viajar pela primeira vez para Europa em Janeiro de 2013 e vamos passar uns 30 dias, só que vamos direto para Portugal. Gostaríamos de conheçer Veneza, Paris, Roma e Itália. Por onde devemos começar ?

    É a primeira vez que estou fazendo uma pesquisa sobre viagem pela Europa, e vi seu Blog, e gostei muito dos seus comentários à respeito de viagens, e achei massa.

    Obrigada, beijos Gabriele.

    Responder
    • Rogerio

      Oi Solange, tudo beleza?!

      Uma boa opção de roteiro seria partir de Portugal para Paris, ficar lá uns 5 a 7 dias. Depois pegar outro voo direto para Milão, 3 dias, depois seguir para Veneza, 2 dias, Florença, 5 dias para explorar também alguns pontos da Toscana e finalmente Roma, 5 dias, de onde voltam para Portugal voando. Os trechos dentro da Itália façam de trem. Para cotar os voos vá de Skyscanner. Os trens você poderá reservar em Rail Europe.

      Abraços!

      Responder
  18. Thiago Dias

    Rogério, poucas vezes me surpreendi tão positivamente em um site ou blog na Internet.
    É muito bom saber que existem pessoas dispostas a nos ajudar em assuntos tão desconhecidos. No seu caso, a Europa.

    Vou com minha namorada em 2013 para a Europa. 30 dias.
    Nosso roteiro é:
    -Portugal: Lisboa, Porto e Argaves. 5 dias
    -Espanha: Madrid, Palma de Mallorca e Barcelona. 8 dias.
    -França: Carcassone, Paris. 10 dias.
    -Itália: Ainda não sabemos. 7 dias.

    Ficaremos 10 dias na França pois minha namorada morou lá e quer os 10 dias lá. Inclusive, quer muito voltar a Carcassone.
    E na Itália não temos a mínima idéia do que fazer.

    O que vc acha?
    Grande abraço

    [email protected]

    Responder
    • Rogerio

      Oi Thiago, tudo bem?! Cara, valeu pelos elogios e desculpe o atraso em responder às tuas perguntas… Muito trabalho para uma única pessoa aqui, hehe!

      Mas vamos lá, ainda dá tempo, né?!

      Muito bom o roteiro. Eu tentaria aumentar em 3 dias a viagem por Portugal ou então deixaria o Algarve ou Porto para outra oportunidade. Só Lisboa já pede 3/4 dias. O mesmo vale para a Espanha, eu focaria estes 8 dias em Madri e Barcelona, deixando Mallorca para uma outra oportunidade.

      Paris e Carcassone, ótimas pedidas. Vale a dica de explorar algo próximo a Carcassone, como Nimes, Avignon, se sobrar tempo.

      Na Itália eu faria assim: Roma 4 dias e Florença 3, ou então Roma 4 dias e Nápoles e arredores os outros 3, que tal?

      Ajudei? Qualquer coisa chama novamente!

      Abraços!

      Responder
  19. Luana

    Nossa… Já estou há horas online nesse blog, tentando pegar tds as dicas, mas é tanta coisa legal que fico perdidinha… Poderia dar uma ajudinha??

    Estarei indo em Julho fazer um curso espanhol de 3 semanas na Espanha (ainda não decidi se em Madrid ou em Barcelona – aceito sugestões!!). Nesse meio tempo terei 2 fins de semana livres para viagens (saindo na sexta e retornando no domingo). Caso fique em Madrid, pensei em um dos fds visitar Toledo e no outro, Barcelona (trem??? avião??). (O que vc acha??)

    E no final de julho/começo de agosto, devo ter uns 10 dias livres para viajar a toa, e gostaria de conhecer Paris, Londres e Amsterdã. To muito em dúvida do roteiro, se dá tempo de conhecer pelo menos os principais pontos turísticos de cada cidade, e qual as opções de transporte para as cidades de melhor custo benefício…

    Quanto a cidade do curso que comentei lá em cima, meu interesse maior inicialmente era ficar em Barcelona, pois já vi depoimentos fantasticos da cidade… Daria tempo pra explorar tudo direitinho. Porém o espanhol de lá é o Catalão, e já que eu to indo justamente pra aprender espanhol, não seria essa uma desvantagem importantissima, favorecendo o curso ser em Madrid?

    Parabéns pelo blog e pela iniciativa de ajudar viajantes perdidos como eu… Hahaha!
    Abraços!

    Responder
    • Rogerio

      Olá Luana!

      Tanto Madri como Barcelona são ótimas pedidas, aqui vai valer tua decisão pessoal na escolha. Barcelona tem esta desvantagem do catalão, fazendo com que muitos deixem de lado o espanhol, coisa de cultura mesmo, bairrismo, manter tradições. Mas a maioria manda ver tranquilamente no espanhol, ainda mais com turistas. Vai na boa que Barcelona é uma ótima pedida para aprender e praticar o espanhol.

      Se optar por Madri, ótimas escolhas Toledo e Barcelona para os 2 finais de semana. Ambos são rápidos e baratos de trem. Aproveite para pegar o AVE, o trem de alta velocidade que une Madri a Barcelona em 2 horas de viagem. Consulte horários e valores em Rail Europe. Se optar por Barcelona, além de Madri uma boa pedida é a região norte, explorando Cadaqués e arredores.

      Tanto de Madri como de Barcelona a melhor opção para a viagem de 10 dias ao final do curso será de avião. Compre a passagem o quanto antes através do buscador Skyscanner. A sugestão seria voar até Amsterdã, ficar por lá 3 dias, depois seguir para Paris, 4 dias, e então Londres, nos últimos 3 dias. Mas tudo dependerá, é claro, de onde partirá seu voo de volta. Se conseguir comprar a passagem indo para um destino e voltando por outro, veja o que sai mais em conta destas 3 cidades e monte o roteiro finalizando nela.

      Um grande abraço, ótimo curso e ótimas viagens!

      Responder
    • *£ua*

      Obrigada Rogério, pelas dicas!

      Depois de muito pesquisar montei meu roteiro pós-curso e acabei trocando Londres por Roma. Ficou assim:

      Madrid > Roma (4 noites)(easyjet)
      Roma > Paris (5 noites)(ryanair)
      Paris > Bruges (passar apenas o dia, sem dormir na cidade)(trem)
      Bruges > Amsterdã (3 noites)(trem)
      Amsterdã > Madrid (easyjet)
      Madrid > Brasil

      Estou na fase de pesquisa dos Hostels. Estou optando entre o Alessandro’s Palace em Roma, BVJ em Paris e Hostel Van Gogh em Amsterdã. Você tem boas referencias sobre esses dois últimos?? Ainda estou na dúvida…

      Valew, Rogério!!

      Responder
  20. Bianca Porto

    Olá,
    Parabéns pelo blog! Estar tirando diversas dúvidas!
    Eu gostaria que vc me desse algumas dicas, eu estou querendo viajar nas próximas ferias verão, quando eu tenho mais tempo disponível para viagem,porém o problema é que a Europa nessa época é muito fria…
    Então eu queria saber quais são as melhores cidades para visitar-se entre janeiro e fevereiro. Quais são as que se pode aproveitar mais no inverno sendo praticando esportes de inverno ou até mesmo as que o frio não atrapalhe na viagem.
    Abraços

    Responder
    • Rogerio

      Oi Bianca, tudo bem?!

      Realmente faz muito frio no inverno europeu. Não é uma época perfeita para passear, mas com algumas dicas ou com foco em esportes na neve, tudo pode ser bem diferente!

      No inverno europeu os dias são curtos e as noites longas. O tempo é normalmente fechado, nublado, cinza. Os programas ao ar livre não existem, ninguém tem coragem de sentar em uma mesa ao ar livre ou então caminhar por muito tempo debaixo de um frio daqueles. Fora quando ocorrem nevascas e, além de você quase não poder ir à rua, o transporte de trem, carro ou avião podem prejudicar a organização da tua viagem. Nestas horas, investir em um bom Seguro Viagem pode fazer a diferença para você não ficar no prejuízo total.

      O lado bom do inverno na Europa é quando você vai almoçar ou jantar. É a melhor época, sem dúvida, para os prazeres da mesa. Pratos mais robustos, bebidas mais quentes e aquele tempo sem fim para provar tudo e mais um pouco, além de engatar grandes e infindáveis conversas à mesa. Mas quem mais sente a diferença no inverno é nosso bolso: tudo fica bem mais acessível, há menos turistas, há menos procura por hotéis e pipocam as promoções. Claro, exceto em datas como Natal e Ano-Novo e em locais de prática de esqui, onde tudo permanece caro e disputadíssimo!

      Os melhores destinos para curtir a Europa no inverno são as capitais ou as grandes cidades, sem dúvida, pois possuem diversos atrativos em espaços fechados. Também vale investir em locais onde a procura é maior no verão, como Praga e Berlim, que ficam bem vazias durante o inverno. Pequenas cidades com motivos natalinos (para quem viaja durante a época do Natal) e estações de esqui também são bons destinos para os que procuram estes temas. Mas lembre-se: cidades com estações de esqui são caríssimas, planeje bem sua estada e alimentação por lá.

      Outra boa dica é planejar bem a viagem, definir bem onde ficar, onde comer, quanto tempo em cada cidade e, principalmente, fazer o mínimo de deslocamentos, para não ter que reorganizar o roteiro toda vez que uma nevasca atrapalhar seus planos. Feito isto, curta a viagem bem devagar, sem pressa. Correr no frio ou ficar procurando alguma coisa de última hora na rua debaixo de um frio de zero grau é dose… Vale também investir um pouco mais na qualidade da hospedagem, já que serão grandes as chances de ficar mais tempo que o normal no quarto do hotel ou albergue.

      E por falar em frio de zero grau, não esqueça de se agasalhar bem, mas isto não quer dizer colocar trocentas blusas, uma por cima da outra. O segredo aqui é usar uma camiseta ou malha térmica e um bom casaco bem quente e impermeável, além das habituais luvas, gorros e mantas. Todos os ambientes possuem calefação e lá dentro o calor é de 20 graus para cima. Então, basta apenas tirar o casaco e os acessórios para já estar em sintonia com a temperatura e clima do ambiente.

      Bianca, espero ter te ajudado um pouco. Se precisar de mais dicas, basta comentar novamente, ok?!

      Um grande abraço!

      Responder
  21. Nicole Renssen

    Oi Rogério, tudo bem?

    Adorei o seu blog, me inspira muito…

    Quero fazer uma viagem de 16 dias pela Europa, primeira vez do meu marido, e pensamos em fazer vários países, mas acho que acabamos não conhecendo muito.

    Depois de conversar com uma amiga, pensei em fazer somente a França, passando um tempo em Paris e o restante em Provence e Cote d’Azur. Ainda é uma ideia, nada certo. E se sobrasse um tempinho, o que acho difícil, gostaria de passar por Londres, já que nosso vôo chega e parte de lá, pela BA.

    Me ajuda?

    Muito obrigada e abs,

    Responder
    • Rogerio

      Oi Nicole, tudo bem?! Bom saber que o blog anda te inspirando!

      Buenas, como seu voo chega e parte de Londres, nada mais natural que incluir a cidade no teu roteiro. Então, poderia ser assim: 5/6 dias em Paris e outros 5/6 dias pela Provença e Côte d’Azur. E o restante do tempo curtindo Londres, que tal?

      Concordo com a ideia de não fazer muitas cidades e muitos países numa única viagem. Além de cansar muito os constantes deslocamentos, acaba não curtindo tanto o que uma cidade oferece. Minha regrinha básica é pelo menos 3 dias em cidades maiores e 2 nas menores. O ideal é sempre ficar mais. Paris, Londres, Roma, por exemplo, são cidades que pedem pelo menos 5 dias para sair de lá satisfeito.

      Ótima viagem!

      Responder
  22. ILEN RIZZON

    Opa…. cara to encantado com teu blog…..na real , descobri ele a um ano mais ou menos….e sempre leio e devoro todas as informações…decidi que vou a europa em abril de 2013…e até lá vou fazer perguntas……. mah por enquanto eu queria apenas parabeniza-lo….. sem (muita)babação de ovo…. teu blog é muito bom…Obrigado.

    Responder
    • Rogerio

      Obrigado Ilen! Pode enviar tuas perguntas, terei enorme prazer em te ajudar e fazer parte da tua viagem!

      Abraços!

      Responder
  23. Marcela

    Oi Rogério! Seu blog é fantástico! Uma ajuda maravilhosa e dicas excelentes! Estou adorando! Vim pedir sua ajuda!
    Ganhei as passagens pra Paris para esse mês de janeiro, tenho um amigo lá e outro no sul da França, ou seja, 2 lugares para não pagar hospedagem!! Passarei 19 dias viajando e tenho receio de gastar fortunas com transporte pra passar 4 dias em cada país e só conhecer pontos turísticos, até porque não conto com tanto dinheiro e acabaria limitando outros gastos.
    No meu roteiro estaria então logicamente a França, e a Itália, que é meu sonho. Além disso, me falaram que Berlim e Praga são imperdíveis! Tem como fazer um roteiro com essas cidades, chegando e saindo de Paris? O que você incluiria? Beijão e continue com esse blog fantástico!

    Responder
    • Rogerio

      Desculpe Marcela, cheguei tarde demais para te ajudar… Espero que sua viagem tenha sido ótima!

      Abraços!

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conhecendo os arredores de Paris: 5 lugares incríveis para bate-voltas

Conhecendo os arredores de Paris: 5 lugares incríveis para bate-voltas

á pensou em visitar Paris e, além disso, conhecer outros lugares incríveis que ficam bem pertinho da capital francesa fazendo bate-voltas? Neste artigo, falaremos sobre destinos como o Palácio de Versailles, Castelo de Chantily, Vale do Loire, Disneyland Paris e os Jardins de Monet em Giverny e como chegar até lá.

Recomendados por Rogério Milani para uma viagem perfeita

Guias, transfers, hospedagens e outros serviços para sua viagem.
Conheça nossos parceiros!
Alugue seu carro com a Rentcars
Reserve seu hotel no exterior com a segurança do Código de Defesa do Consumidor do Brasil
Compre seu ticket de trem em português e com poucos cliques
Evite filas nas atrações turísticas e programe seus bate-voltas comprando ingressos e passeios antecipados com a Tiqets/Ticketbar
Compare e compre seu voo com Skyscanner
Viaje com tranquilidade emitindo seu seguro viagem com a Real Seguros
Cartões de débito para viagem com o melhor câmbio e as menores taxas do mercado! Eu recomendo a Wise
Já pensou ter custo zero com sua hospedagem nas próximas viagens? Então conheça a Home Exchange!
Artigos e equipamentos recomendados para sua próxima viagem!