Quinze dias entre Amsterdã, Paris, Londres, Praga e Roma

por | Atualizado em 22/02/23 | Amsterdã, Aviação, Hospedagem, Londres, Paris, Praga, Roma



Mateus enviou:
Oi Rogério! Eu e a minha irmã queremos fazer nossa primeira viagem pra Europa em janeiro, lá pelo dia 14 até o dia 30. O problema é que nós não  fazemos a mínima ideia de preço, tempo e como arrumar tudo. Escolhemos as cidades e os tempos de permanência:

  • Paris 4 dias
  • Londres 4 dias
  • Roma 3 dias
  • Praga 2 dias
  • Amsterdã 2 dias
Você acha que tá bom? Queremos gastar lá por 7 ou 8 mil reais cada um, não temos problemas em dormir em albergues e em não experimentar coisas super caras e típicas de cada país. mas os problemas maiores ainda são no roteiro. Quais são as melhores opções pra ir de uma cidade pra outra? É melhor chegar e voltar para o Brasil por Londres ou Paris? Os requerimentos pra imigração na Inglaterra são mais pesados? Em que ordem fica melhor ir para as cidades?
Agradeço desde já!
Mateus
 
————————————————————
Olá Mateus, tudo certo?!
Cara, o tempo de viagem para cada cidade está bem distribuído. Eu poderia recomendar apenas que tirasse uma das últimas duas cidades, Praga ou Amsterdã, para poder acrescentar um dia a mais para Roma e ficar 3 dias em Praga ou Amsterdã. Daí ficaria perfeito, pelo menos para mim, hehe! Melhor ainda se puder estender a viagem mais 3 dias, jogando um dia a mais para Roma, Amsterdã e Praga!
A melhor ordem de roteiro para estas cidades seria: Amsterdã – Paris – Londres – Praga – Roma. Acredito que o ideal será trem entre Amsterdã e Paris, além de Paris a Londres. Já as rotas Londres – Praga e Praga – Roma será mais rápido e até mais barato se for feito de low-cost.
Uma boa sugestão para comparar tarifas, duração de viagem e já reservar os tickets de trem ou avião é comparar ambos usando os sites Rail Europe eSkyscanner.
Com esta grana você passará muito bem os 15 dias de viagem pela Europa. Só para efeito de comparação, eu já fiquei 30 dias viajando por lá com apenas R$ 5.000,00, incluindo a passagem aérea intercontinental. E fazendo ótimos piqueniques durante o dia e uma boa janta em restaurantes, além de economizar bastante dormindo em albergues. O melhor planejamento financeiro que vocês podem fazer é calcular um valor diário de gasto e procurar ficar dentro deste limite. Desta forma, não correrão riscos de estourarem o orçamento e ficarem sem grana. Se num dia o limite estourar, no outro vocês recuperam gastando menos e equilibrando a conta.
Com uma média de 200 Euros por dia vocês poderão tranquilamente ficar em hotéis legais nos destinos pretendidos. Se quiserem, mesmo assim, economizar e curtir bons albergues, a dica é pegar quartos privativos para apenas vocês dois. A economia será enorme e sobrará mais grana para os comes, bebes e passeios. Para cotar e reservar hotéis e albergues, vá de Booking.com ou Hostelworld. Também sugiro que confiram o post Hotéis Recomendados, com dicas de bons lugares para ficar em algumas cidades européias.
Eu sempre procuro recomendar que façam ida e volta de diferentes cidades, pois assim poderá economizar no transporte e, principalmente, no tempo. Na tua viagem, por exemplo, eu compraria uma passagem saindo do Brasil para Amsterdã, com a volta partindo de Roma. Na ponta do lápis, sai a mesma coisa ou até menos do que se teu voo fosse ida e volta Brasil – Amsterdã, por exemplo. Além disso, você ganha um dia a mais para curtir Roma e não precisa se deslocar até a Holanda para voltar ao Brasil.

E Amsterdã é um local bem tranquilo para chegar, em comparação com a imigração de Londres. Paris também é uma boa. Mas basta estar com a passagem de volta em mãos, seguro-saúde, omprovar que tem grana para se manter durante o tempo da viagem, se possível os comprovantes de hotel, albergue ou transporte, para passar tranquilo pela imigração. Só não vale dizer que fará turismo por 15 dias e chegar com malas para 3 meses… Aí qualquer um desconfia…

Mateus, ajudei? Se precisar de mais um help, é só chamar!
Um grande abraço!

<br /> <a href=’http://www.jdoqocy.com/click-5265229-10895689’><br /> <img alt=” border=’0′ height=’280′ src=’http://www.awltovhc.com/image-5265229-10895689′ width=’336’><br /> </img><br /> </a><br />

16 Comentários

  1. Jamille

    Boa tarde Rogério

    Estou quase comprando as passagens pra Europa e queria tirar algumas duvidas com vc sobre as passagens pra depois fechar com vc os roteiros. Quero passar 15 dias em Abril, serão 3 casais. Vi passagem com os trechos todo aerios Paris-Londres -Amsterdã(2500), só que além desses queremos fazer Roma e Veneza, queria saber de ti se comprando esses 3 trechos aerios de onde tenho que ir gastando menor pra conhecer Roma e Veneza? E se é viável em 15 dias conhecer todos esses países? O que eu tinha em mente é passar 4 dias em paris, de paris ir pra Londres e passar mais 4 dias e de londres ir pra roma de avião e de trem ir pra Veneza, de Veneza voltar pra Londres (ja que a passagem pra Amsterdã sai de la). Amsterdã queremos passar no máximo 2 dias.

    Responder
  2. Vinicius

    Rogério, boa tarde!
    Estou pesquisando uma viagem para Europa em maio com minha esposa, de 15 dias total, contando com deslocamento…
    Pensamos em Amsterdã, Paris, Londres e Roma.
    Gostaria de algumas dicas.
    Vc pode ajudar?

    Responder
  3. Anonymous

    Oi, Rogerio gostaria de saber qual a distancia de Amsterdam para Veneza
    e como estará o clima por lá em final de agosto,obrigada, tereza

    Responder
    • Rogério Milani

      Olá Tereza, tudo bem?! A distãncia de centro a centro, se percorrida de carro, é de cerca de 1.370 km. Se a ideia é percorrer este trajeto de carro, o ideal é organizar paradas a cada 4 horas de viagem e curtir uma noite, pelo menos, nestas paradas. Mas se a ideia for ir de uma diretamente para outra, aí vale investir em um voo low cost, cotando e comprando através do site Skyscanner.

      No final de agosto a tendência é ainda estar quente, já que estaremos no verão europeu!

      Abraço!

      Responder
  4. Rogerio

    Combinado! Aguardo tua experiência e dicas para compartilhar com todos aqui!

    Abração!

    Responder
  5. AlineHB

    Oi Rogério, obrigada pela visita lá no meu blog! Pode deixar que assim que voltar, posto aqui minhas experiências e dicas! Seu site me ajudou bastante no planejamento da trip!
    Enquanto isso, continuem acompanhando a #OperaçãoMochilão
    http://operacaomochilao.travellerspoint.com/

    Responder
  6. Rogerio

    Oi Aline, muito bom o teu blog, já adicionei aos meus favoritos! Faça uma ótima viagem e volta aqui para comentar tuas experiências, ok?!

    Abraços!

    Responder
  7. Rogerio

    Oi Marina! Brigadão pelos votos!

    Achei teu roteiro perfeito! E também o tempo para conhecer estas cidades! Eu organizaria desta forma:
    Málaga – 3 dias
    Barcelona – 4 dias
    Madri – 4 dias
    Bruxelas e Bruges – 3 dias
    Amsterdã – 4 dias
    Paris – 6 dias

    Caso seja muito tempo em Paris, poderá planejar um dia para ir a Reims ou Nancy, por exemplo. Ou, então, tirar um dia de Paris e incluir um dia a mais em uma das outras cidades, de acordo com a tua vontade. Não existe uma regra perfeita, desde que não passe voando por uma cidade e que possa descobri-lá, também!

    Sugeri Bruges por ser bem pertinho de Bruxelas e é uma cidade espetacular, medieval. Vale ficar aí pelo menos uma noite.

    Para circular entre estas cidades, acredito que o melhor será trem, exceto pelos trechos Málaga-Barcelona e Madri-Bruxelas, que serão mais rápidos e baratos de avião.

    Para cotar, conferir horários e já comprar os tickets de trem ou avião, consulte os sites
    Rail Europe e Skyscanner. E não esquece da regrinha: opte sempre pelo trem se a viagem demorar até 4 ou 5 horas. Acima disto, o melhor e mais barato será via avião. Mas nada impede que você faça um determinado trecho curto de avião, se o valor for bem mais em conta que o ticket de trem, ok?!

    Com este roteiro, acredito que a virada de ano seria em Madri! Na Europa o mais comum é ir para praças ou avenidas principais conferir a queima de fogos de artifício na virada e depois ir para um restaurante ou danceteria. Lembre-se que é frio por lá nesta época e ficar na rua muito tempo é um porre.. Mas acho que Madri será uma boa pedida, desde que reserve em um restaurante ou danceteria para curtir o reveillon, ok?! Também poderá conferir o que vai rolar na virada em Toledo, a um pulinho de Madri, e lugar de ótimas festas e muitos barzinhos!

    Conseguirá se virar muito bem com 1500 euros durante tua viagem. O negócio é estimar o gasto médio diário, 62.5 euros no teu caso, e ficar dentro desta média. Se num dia gastar mais, economiza no outro. E a economia será maior ainda se ficares em albergue, com certeza! Pesquise e reserve albergues ou até hotéis baratos em Booking.com e Hostelworld. Também pode conferir as dicas de locais para ficar no post Hotéis Recomendados.

    Marina, toca ficha e vai na boa que está bem tranquilo!

    Abração!

    Responder
  8. Rogerio

    Oi Victor, beleza?!

    Hum, eu achei meio pancada querer fazer todos estes países. Minha sugestão seria escolher no máximo 5 países fronteiriços, comprar um passe para circular entre estes países e definir as cidades que pretende viajar.

    Com os países e cidades definidos, além dos dias de permanência em cada uma, você poderá organizar os hotéis ou albergues de pouso em cada cidade. Desta forma, sua viagem será mais econômica e mais organizada.

    Agora, se não tiver tanto problema com tempo e a grana é de bom tamanho, poderá comprar um passe global para circular por toda Europa e ir traçando os destinos pelo caminho. Poderá ser bem mais caro do que se fosse uma viagem bem organizada, mas é uma experiência e tanto!

    Um exemplo seria circular entre Espanha, Portugal, França, Alemanha e Itália com um Eurail Select Pass. Em 30 dias, dá para prever uns 6 dias em cada país. Com este painel, verás que conseguirá, no máximo, visitar 3 cidades em cada país, ficando 2 noites em cada. Ou então passar voando por cada uma e dormindo apenas uma noite.

    Fica aqui minha dica mais preciosa: ficar mais tempo em cada cidade ou região e descobrir, não apenas conferir ou passar “voando” por elas, ok?!

    Espero ter te dado mais uma luz Victor. E se precisar de ajuda para definir cidades, tempo em cada uma ou até onde se hospedar, só me informe tuas preferências e países, que daí consigo te ajudar melhor, ok?!

    Um grande abraço!

    Responder
  9. Marina

    Olá! Adoro o blog, e antes de expor minha dúvida, queria parabenizá-los, excelentes dicas e com bastante detalhes!

    Irei viajar para Málaga/ESPANHA final do ano, onde tenho uma conhecida, chegando no dia 20 de dezembro, pretendo passar 2/3 dias. Depois disso nada é muito definido, excetuando a volta, que será no dia 13 de janeiro, saindo de Paris (passagens já compradas).
    Excluindo os dias de chegada e partida, são ao total 24 dias para viajarmos. Os destinos que gostaríamos de fazer são Barcelona, Madrid, Bruxelas, Amsterdã, Paris (que precisa ser a última devido a passagem).
    Devemos adicionar ou retirar alguma cidade?
    Gostaria de saber um roteiro entre as cidades escolhidas e quantos dias em cada?
    Uma cidade divertida para passar a virada do ano?
    E a última pergunta, 1500 euros para passagens internas, comida e hospedagem em albergues, será suficiente?

    Vai me ajudar muito, se vocês responderem essas questões. Valeu!!!!!
    Marina

    Responder
  10. Victor Sessa

    Ola, Rogerio…

    Outro dia te enviei um comentario e voce me ajudou, porem, nao executei por problemas com a faculdade, fiquei engessado aqui em Salamanca, mas espero que essa semana viaje, entretanto, ocorreram mudancas de planos. Vou conhecer Fatima mais para frente, agora quero conhecer coisas que no inverno nao conseguirei.

    Por favor, nao sei por onde comecar. Talvez comece pela Espanha, vou para Sevilha, depois Valencia, Barcelona e venho descendo rumo a Madrid, mas nada certo, tenho muitos planos mais muitas incertezas.
    Quero fazer uma viagem por diversos paises e nao tenho problemas com dias para viajar…Eu li em algum lugar, que tambem existe uma viagem de trem que os turistas ficam dentro do trem, ai ele vai parando em cidades para voce conhecer, comer e tals, mas depois volta para o trem e continua a viagem…O trem servi como teu hotel, transporte e lazer. Gostaria de saber como se chama esse tipo de passe e quais sao as rotas mais indicadas (ja procurei no site da rail europe, da renfe e nada…)?

    Bom, para te ajudar a me ajudar, rs, vou passar um roteiro dos paises que pretendo conhecer ate dezembro, porem, pode ser que eu conheca viajando um mes sem parar, ou de pouco em pouco. Como voce ja tem uma grande experiencia, se acha que sera puxado, acatarei o conselho.

    Espanha; Portugal; Franca; Alemanha; Irlanda (Dublin); Inglaterra; Italia; Croacia; Republica Tcheca; Holanda; Suica e Turquia

    Porem, se eu tiver dinheiro e tempo, ainda pretendo conhecer a Grecia, Suecia, Dinamarca, Polonia, Noruega…

    Se voce acha que sao muitos paises, um em cada lado, pode me ajudar a fazer um roteiro com os paises que nao tenho tanta preferencia, pois o que vale, tambem, e o bolso.
    Quero achar o modo mais barato para viajar entre eles e dentro deles…mas tambem, me preocupando com a hospedagem e o custo de vida de cada pais.

    Desculpa se te incomodei muito…mas agradeco a boa vontade.
    Abracos

    Responder
  11. Rogerio

    Oi Mateus! Aham, na imigração em Amsterdã eles falam inglês, bem tranquilo. Aliás, os holandeses falam muito bem inglês, e será bem fácil a comunicação por lá.

    Sobre os valores das passagens, tem que pesquisar bem, entrar nos sites das próprias companhias aéreas e ficar ligado em alguma promo. Vale, também, consultar uma agência de viagens de tua confiança, pois eles conseguem achar passagens que não estão disponíveis pela internet.

    Um exemplo: em março, a passagem de ida e volta Brasil – Milão estava custando R$ 1.900,00, na média. Consegui, pela Iberia (na agência Lear Travel, de Porto Alegre), ida para Milão e volta por Paris por R$ 1.850,00.

    Mas se não conseguires bons valores para ir pra um lugar e voltar de outro, invista na compra individual do trecho interno, sem problemas. Organizar viagem é assim mesmo, leva um tempinho, tem que pesquisar bem, mas já faz parte da viagem e deve ser algo feito com prazer, hehe!

    Precisando, chama!

    Abraços!

    Responder
  12. mateus

    eu já pesquisei no skyscanner e não tá valendo a pena não, passagem de roma pra amsterdã (pra ir e voltar por amsterdã) é 84 reais + 2048 do intercontinental. já indo por amsterdã e voltando por roma são 4600 reais. não sei o que fazer mais, nunca pensei que planejar viagem fosse tão difícil hehe

    Responder
  13. mateus

    ah, eu tenho uma dúvida meio boba, mas em amsterdã eles falam inglês na imigração? porque sem inglês não tem jeito…

    Responder
  14. mateus

    muito obrigado, valeu mesmo! eu nem tinha pensado na possibilidade de chegar por amsterdã ou algo assim, muito menos em chegar por uma cidade e voltar por outra, sempre pensei que ficaria mais caro. eu tava achando que seria pouco dinheiro, mas se você diz eu confio pela tua experiência… obrigado mesmo

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendados por Rogério Milani para uma viagem perfeita

Reserve seu voo
Alugue seu carro com a Rentcars
Reserve seu Hotel
Compre seu ticket de trem
Evite filas nas atrações turísticas e programe seus bate-volta comprando ingressos e passeios antecipados com Ticketbar
Guias, transfers, hospedagens e outros serviços para uma viagem tranquila e segura
Serviço de câmbio confiável e com boas taxas, com desconto para leitor do Viajando

Viaje tranquilo com seu seguro viagem

Seguros Promo
Real Seguros
World Nomads