Roteiro de 20 dias na Europa – a viagem de Gileno e família por Paris, Amsterdã, Londres, Bruxelas e Berlim

Atualizado por Rogério Milani em 10/09/2019

Rogério Milani

Pensando em fazer um roteiro de 20 dias na Europa? Vem saber como foi a viagem de Gileno e família por Paris, Amsterdã, Londres, Bruxelas e Berlim e programe a sua!

Roteiro de 20 dias na Europa

Roteiro de 20 dias na Europa – a viagem de Gileno por Paris, Amsterdã, Londres, Bruxelas e Berlim

De modo geral nosso roteiro funcionou muito bem! Foi bom para conhecer os principais pontos de interesse de cada cidade onde estivemos.

Londres – Ficamos quatro dias nesta cidade, acho que foi o suficiente. Ficamos hospedados um bairro afastado da região central e esta não foi uma boa escolha porque gastávamos muito tempo com transporte. Bom mesmo seria se hospedar numa região mais central próximo de restaurantes e lojas, assim, aproveitaríamos melhor. Ressalto que a escolha de se hospedar fora da região central foi nossa e não do Rogério, ele havia nos alertado disso. Foi culpa nossa.

Paris – Ficamos quatro dias em Paris. Foi muito interessante subir na Torre Eiffel – fomos num horário muito bom porque pegamos o entardecer e anoitecer… O Museu do Louvre é moderno, mas nesta época que fomos (julho) havia muita gente e, consequentemente, uma fila enorme para ver a obra Monalisa. A cidade de Paris não é muito limpa e achamos a cidade um tanto perigosa em termos de espertalhões para dar golpe em turistas… Eu diria para todos que vão pra lá que fiquem atentos. O sistema de metrô um tanto confuso, mas o Uber funciona bem.

Bruxelas – Ficamos dois dias lá, período achamos o suficiente. Achei que a praça Grand Place (Grote Markt em flamengo) fosse mais agradável, não tanto assim. Todavia, foi muito bom visitar o Atomium, realmente é uma obra moderna que valeu a pena visitar.

Roteiro de 20 dias na Europa

Amsterdã – Realmente é uma graça de cidade, muito limpa. Há muitos pontos interessantes para visitar, andar de barco nos canais é muito legal… Fomos até Giethoorn, um ótimo passeio para se fazer em família e as ruas da cidade são de canais (dizem ser a Veneza da Holanda). Vale muito a pena visitar… Fizemos um passeio em Volendam uma vila de pescadores onde estão os diques, adoramos também!

Berlim – Ficamos quatro dias… Hospedamo-nos num B&B próximo da estação Alexanderplatz, subimos na Torre TV Tower (Berliner Fernsehturm) e isso foi muito bom, deu para ter uma ideia geral da cidade e dos pontos históricos em sua volta. Também fizemos um city tour que foi muito bom porque deu para conhecer os pontos mais importantes da cidade. Berlim é uma cidade com muita imigração de povos de diversos países, achei que tem pouca tradição alemã. Apesar de não ter usado os transportes públicos, vi que é uma cidade bem servida de trens, metrô, trans e ônibus. Por motivo de saúde de minha esposa achamos por bem andar de Uber, que funciona muito em todas cidades onde estivemos.

Roteiro de 20 dias na Europa

Os voos

Os voos de ida deram tudo certo sem nenhum atraso e nem qualquer outro problema. Na volta foi um tanto frustrante, o voo internacional da TAP que seria de Lisboa para Brasil era para ser as 11h45min mas houve um aviso que estava atrasado… Passamos o dia todo esperando até que, às 17h houve cancelamento definitivo dele. Depois, até definir onde a companhia nos colocaria para dormir, esperamos até as 20h. Como era de se imaginar, isso gerou uma canseira e estresse terríveis. Fomos prum hotel pago pela companhia aérea TAP e, no outro dia, conseguimos viajar de volta ao Brasil.

As viagens de trem

Andamos de trem em nosso roteiro de Londres para Paris, depois de Paris para Bruxelas, depois de Bruxelas para Amsterdã. Isso foi sensacional… Gostamos muito e foram viagens maravilhosas, os trens são confortáveis a paisagem é agradável… Uma ótima experiência.

Se você quiser fazer como a gente, o Rogério sempre indica comprar sua passagem antecipadamente por este serviço, indicado pelo blog.

Roteiro de 20 dias na Europa

As hospedagens

De modo geral a qualidade dos hotéis foi boa, todos tinham bom preço e com localizações de fácil acesso. Como disse anteriormente, o caso da hospedagem em Londres foi uma escolha nossa, diferente que o Rogerio sugeriu, então, a localização deixou a desejar devido à distância. Recomendo que hospedagens devem ser sempre que possível na região central, perto do centro da cidade, perto de restaurantes, para turistar sem preocupações!

Roteiro de 20 dias na Europa

Londres – ibis budget London Barking – Este hotel fica num bairro afastado do centro de Londres, a 900 metros da estação do metrô. A vantagem é que é um hotel de bom padrão, porém relativamente apertado para três pessoas. O café da manhã era muito bom, custava 5,80 libras por pessoa, e o preço da diária era barato comparado com hotéis na região central da cidade. Porém, não recomendo para quem vai fazer turismo em Londres em função da distância e por estar fora da região de interesse de turistas. O táxi do hotel até a estação do metrô custava 6 libras. Se você estiver indo pra Londres, confira estas outras dicas de hospedagem por lá, todas aprovadas pelos outros clientes do Rogério!

Paris – Kyriad Hotel Paris Bercy Village – Este hotel fica a quatro quilômetros da Torre Eiffel e a 200 metros de uma estação do metrô. Tem bom padrão e fácil acesso para os diversos pontos turísticos a partir dessa estação. O preço era bom e o apartamento era confortável e espaçoso para três pessoas. Não tomávamos café da manhã nele porque era caro (14 euros por pessoa!) então fazíamos isso numa padaria próxima, ao lado da estação do metrô, onde pagávamos em torno de 20 euros para três pessoas. Recomendo este hotel – há vários restaurantes bons próximos dele!

Roteiro de 20 dias na Europa

Bruxelas – Jardin Secret Hotel – Este hotel fica próximo ao centro de Bruxelas, a aproximadamente 300 metros da estação do metrô. É um hotel de três estrelas muito confortável, tem um restaurante no próprio hotel que atende os hóspedes e pessoas de fora do hotel. Fica numa rua apertada que só passa um carro e, depois de um certo horário do dia, não entra carro por um lado da rua. Ou seja: dependendo do lado de que vem, o táxi chega próximo e o passageiro tem que fazer uma pequena caminhada pra chegar no hotel, mas isso dá em torno de 200 metros… Pertinho!

Berlim – B&B Hotel Berlin Alexanderplatz – Este hotel fica a aproximadamente 300 metros da estação central de Berlim Alexanderplatz e também da TV Tower (Berliner Fernsehturm). Hotel muito bom, superconfortável, com bom café da manhã e o preço é relativamente barato para os padrões europeus. Recomendo, é uma boa opção. Também fica bem próximo (cerca de 150 metros) de um shopping muito bom com diversas opções de comida. Ao lado do hotel, você também encontra vários restaurantes de tradição indiana, chinesa e outros.

Amsterdã – Nesta cidade não usamos hotel, ficamos hospedados em casa de parentes. Se você quiser, pode pesquisar aqui no blog dicas de hospedagem em Amsterdã que foram testadas e aprovadas pelos clientes da consultoria!

Roteiro de 20 dias na Europa

Como nos dirigimos ao local de hospedagem

Do aeroporto de Londres até o hotel fomos de metrô porque era relativamente fácil. Em Paris andamos mais de metrô e eventualmente pegamos táxi para deslocar de um lugar perto para outro, mais por motivo de cansaço. Em Bruxelas usamos táxi e metrô. Em Amsterdã, andamos de trem, trans e ônibus. Em Berlim andamos somente de Uber, mas foi por motivo de saúde de minha esposa que então preferimos transporte mais lights. Andamos muito a pé em trechos curtos.

Ingressos antecipados e passes de transporte

Usamos em Londres o Oyster Card, uma excelente dica do Rogério – você compra esse cartão por cinco libras e carrega ele com um crédito. Se você colocar 10 libras, dá para usar a vontade durante o dia, você vai usando e ele vai debitando do crédito quando atingir as dez libras não cobra mais naquele dia porque o máximo que você paga para andar é 10 libras por dia. No dia seguinte, começa de novo e, se não tem crédito, é preciso carregar novamente. Quando você não vai usar mais você pode devolver o cartão e o sistema te devolve as cinco libras que você pagou pelo cartão mais os créditos que ainda restam. Muito bom mesmo!

Em Paris usamos passe de transporte, e você pode comprar um passe para apenas uma viagem ou para quantas você quiser. Os trens de Londres e Paris e as estações em geral são velhos e barulhentos e o trem em Amsterdã é novo e não faz barulho – os ônibus também são muito bons. Não andamos de ónibus em Londres, mas vimos que praticamente todos ónibus lá são de dois andares e me pareceu confortável!

Compramos ingressos antecipados para algumas atrações e valeu a pena! Compramos o ingresso para subir na Torre Eiffel, não pegamos fila para subir foi muito tranquilo, compramos vários outros durante a viagem também! Se quiser fazer como a gente, pode comprar seus tickets de atrações turísticas e programar seus bate-volta no Ticketbar, um site confiável e com bons preços que o blogueiro nos indicou!

Roteiro de 20 dias na Europa

Seguro viagem obrigatório

Contratamos o seguro viagem obrigatório, que é necessário para circular com tranquilidade pela Europa, e precisamos usá-lo. Minha esposa precisou de ser socorrida por ambulância do hotel até o hospital e teve que ir ao médico, passar por consulta, fazer exames e etc… Na hora, o hospital não aceitou o seguro tive que pagar com cartão, me forneceram nota fiscal para eu solicitar reembolso na seguradora. Neste momento estou em procedimento com a seguradora para obter o ressarcimento dessa despesa.

Se você está pensando em viajar para o Velho Continente como a gente fez, leia este post sobre o seguro viagem, sua obrigatoriedade e dicas.

Roteiro de 20 dias na Europa

Os procedimentos de imigração

Nossa imigração foi feita em Londres, sem nenhum problema. O oficial perguntou apenas quantos dias iriamos ficar lá, onde iriamos hospedar, depois para onde iriamos e… Pronto! Estávamos liberados.

O clima durante a viagem

Em geral pegamos clima muito bom em nossa viagem – a temperatura ficou entre 18 e 30 graus. Pegamos apenas um dia apenas mais quente numa cidadezinha no interior da Holanda.

Roteiro de 20 dias na Europa

Internet e telefonia

Comprei um chip para turista na Europa, com uso ilimitado para 50 países válido para 30 dias. Custou 30 Euros, muito bom. Com ele, usei telefone, internet e WhatsApp.

Se você quiser, também pode se informar sobre o serviço de roaming totalmente gratuito na Europa!

Comunicação em língua estrangeira

Usamos, em geral, inglês para nos comunicar na viagem. Em Londres, Paris, Bruxelas, Holanda e Berlim eventualmente encontramos alguém falando espanhol, ou português mas era muito raro… Em geral, o europeu fala inglês também. Meu inglês é básico mas precisei falar pouco porque estava com minha filha que fala bem o idioma. Mesmo na França, onde dizem que os franceses não gostam de inglês, os atendentes comerciais falam inglês. Para viajar para Europa é necessário que pelo menos uma pessoa fale pelo menos o inglês intermediário. Falando nesse nível, você consegue chegar nos locais, comer, comprar e tudo mais!

Roteiro de 20 dias na Europa

Avaliação da consultoria

Recomendo a consultoria do Rogério, foi muito útil! O roteiro preparado nos deu boas oportunidades de conhecer lugares importantes e ele sempre esteve pronto em nos responder as dúvidas. Tudo que contratamos nos foi feito sem faltar nada. Sem essa consultoria talvez não teríamos conhecido todos os lugares que conhecemos.

Foi uma boa experiência, deu para conhecer as principais cidades da Europa (Londres, Paris, Bruxelas, Amsterdã e Berlim)e foi bom conhecer os pontos turísticos famosos como: Torre Eiffel, London Eye, Torre de Berlim e etc… O planejamento da viagem foi o aspecto mais positivo da consultoria, a gente sabia muito bem onde ir cada dia. O Rogério preparou um planejamento prévio e selecionamos os pontos de maior interesse e alguns ficaram para trás porque não deu tempo. Mas valeu a pena sim!

Gileno, Luciana e Samara
Pinhais/PR
Data da viagem: julho de 2019

Roteiro de 20 dias na Europa

Dicas para outros viajantes

Visite Giethoorn na Holanda – essa é uma cidade muito legal! Tem uma parte da cidade em que as ruas são de canais, é um verdadeiro paraíso, muito bonito e gostoso de passear de barco! A cidade fica a 120 Km de Amsterdã, você pega um trem para chegar até uma estação que fica próxima e, depois, precisa pegar um ônibus para chegar lá. Melhor ainda se poder locar um carro para ir até lá, ganha mais tempo – o Rogério indica alugar carro pela RentCars e Rental Cars, duas empresas super confiáveis e com boas taxas.

Ainda na Holanda, uma outra cidade boa de visitar é Volendam. É uma vila de pescadores onde há muitos diques, a paisagem é muito bonita, tem passeios de barcos, muitos restaurantes e etc.

Restaurantes: Vapiano é uma rede de restaurantes alemã que você encontra em toda a Europa e é uma boa opção para comer bem e não gastar muito!

Roteiro de 20 dias na Europa

Gostou das dicas do roteiro da família do Gileno? Você pode se interessar por estes também:

Viagem para a Europa em família: Amsterdã, Bruxelas, Bruges, Paris e Londres

Viagem com criança pela Europa: o roteiro de Flaviane, Marcelo e a pequena Júlia

Viagem pra Europa com criança: o roteiro de Fernanda, Jomar e Isabela

Roteiro em família pela Itália e França: a viagem de Fernando, Luciana, Amanda e Marinélia

Viagem para Portugal e Espanha da Mariane, Danilo e Pedro

___

Recomendados por Rogério Milani para uma viagem perfeita
Guias, transfers, hospedagens e outros serviços para uma viagem tranquila e segura
Alugue seu carro com Rental Cars ou RentCars
Reserve seu hotel
Compre seu ticket de trem
Evite filas nas atrações turísticas e programe seus bate-volta comprando ingressos e passeios antecipados com Ticketbar
Reserve seu voo
Viaje tranquilo com seu seguro viagem Seguros PromoReal Seguros ou World Nomads
Serviço de câmbio confiável e com boas taxas, com desconto para leitor do Viajando: Confidence

___

Tags

Trackbacks/Pingbacks

  1. Onde ficar em Londres - dicas feitas por viajantes reais - […] Gileno, Luciana e Samara indicam este hotel, em que ficaram hospedados em julho de 2019 no seu giro pelo…
  2. Dicas de hospedagem em Bruxelas - testadas e aprovadas - […] Gileno, Luciana e Samara indicam este hotel, em que ficaram hospedados em julho de 2019 no seu giro pelo Velho…
  3. Onde ficar em Berlim - nossas dicas de hospedagem - […] Gileno, Luciana e Samara indicam este hotel, em que ficaram hospedados em julho de 2019 no seu giro pelo Velho…
  4. Onde ficar na Alemanha - nossas dicas de hospedagem - […] Gileno, Luciana e Samara indicam este hotel, em que ficaram hospedados em julho de 2019 no seu giro pelo Velho…
  5. Onde ficar na Alemanha - […] Gileno, Luciana e Samara indicam este hotel, em que ficaram hospedados em julho de 2019 no seu giro pelo Velho…
  6. Dicas de hospedagem na Bélgica - testadas e aprovadas - […] Gileno, Luciana e Samara indicam este hotel, em que ficaram hospedados em julho de 2019 no seu giro pelo Velho…
  7. Dicas de hospedagem em Londres - testadas e aprovadas pelos clientes da consultoria - Viajando Bem | Dicas e roteiros de viagem - […] Gileno, Luciana e Samara indicam este hotel, em que ficaram hospedados em julho de 2019 no seu giro pelo…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *