Os melhores lugares para curtir no Vale dos Vinhedos – Enoturismo, gastronomia, hospitalidade…

Atualizado por Rogerio Milani em 11/02/2021

Você procura os melhores lugares para curtir no Vale dos Vinhedos? Então confira as sugestões e exclusividades que o consultor de viagens personalizadas Rogério Milani e o blog Viajando Bem preparam para você! E quem ainda contratar os roteiros personalizados para o Vale dos Vinhedos irá garantir, de sobra, experiências fantásticas, exclusivas e únicas em enoturismo, gastronomia e hospitalidade no Vale dos Vinhedos e na Serra Gaúcha!

Os melhores lugares para curtir no Vale dos Vinhedos

Há muito o que ver, fazer e curtir no Vale dos Vinhedos, mas aqui neste post você terá dicas certeiras de quem nasceu e vive nesta região há mais de 40 anos! Vá direto ao ponto e não perca mais tempo!

Exclusividade Hotel Casacurta e Rogério Milani

Hotel e Hostaria Casacurta

Um dos hotéis mais tradicionais da Serra Gaúcha, o Hotel Casacurta foi inaugurado em 1953 em Garibaldi e, até hoje, é super conhecido pelos turistas que vão pra lá aproveitar o melhor da Serra Gaúcha. A história do hotel, todavia, iniciou quando a família Casacurta chegou da Itália para o Brasil em 1827. Os Casacurta escolheram Garibaldi como lugar para morar e eles sentiram falta de um lugar que recebesse os outros imigrantes que chegavam lá, e construíram uma hospedagem na recém-inaugurada vila.

Hoje, o Casacurta trocou de dono – o proprietário César Nicolini fez questão de fazer várias e intensas reformas, que se repetem periodicamente, para que o hotel esteja sempre renovado – sem perder o charme dos chateaux franceses do Valle do Loire. O hotel tem comodidades como Wi-Fi para os hóspedes, academia, piscina térmica, farto café da manhã, estacionamento gratuito e o melhor da gastronomia em uma hostaria própria, que serve memoráveis jantares. Seus 31 quartos são super charmosos e contam com uma baita infra-estrutura!

Com forte apelo enogastronômico, O Casacurta oferece aos clientes ampla carta de vinhos e espumantes, nacionais e importados, que proporcionam momentos deliciosos – para completar essa experiência única, o hotel passa agora a oferecer um benefício exclusivo para quem viajar para a Serra Gaúcha com os roteiros de Rogério Milani: Espumante geladinho e couvert na recepção – para começar uma viagem inesquecível com o pé direito!

E não é só isso: como acabamos de mencionar, a Hostaria Casacurta oferece jantares fabulosos e nossos clientes podem desfrutar de um produto exclusivo que vai tornar tudo mais inesquecível: uma degustação dos vinhos ícones da adega, uma seleção inédita feita pelo proprietário do hotel, Nicolini, que também é sommelier e chef de cozinha! E, se o clima colaborar, esta degustação pode ser feita ao ar livre, curtindo uma bela noite agradável! E, ao final disto, um jantar harmonizado com esses ícones – tudo isso acompanhado por Nicolini, que capitaneará toda essa experiência inesquecível!

Confira mais fotos desse hotel fantástico:

Devorata Trufas Artesanais

A Devorata Trufas Artesanais nasceu em 2006, fruto do talento de Jurema Milani – irmã do Rogério – e da sua sócia e filha, Mariana. Nenhum dos produtos da loja é elaborado com o uso de essências, muito comum em produções de maior escala – todo o processo de fabricação dos chocolates é artesanal.

Experiência Devorata Trufas Artesanais e Rogério Milani

Como tudo o que se faz com amor, a Devorata foi crescendo e, aos poucos, novos sabores e ideias foram ganhando a loja. Aliás, hoje são duas lojas: uma em Garibaldi e outra em pleno Vale dos Vinhedos – ideal para uma tarde bem deliciosa ao ar livre! E os sabores… Ahh, os sabores! Elas produzem as melhores trufas de nozes, branca com castanhas, pistache, 70% cacau, crocante, cereja, tradicional, café, coco, laranja, maracujá, limão, chocolate branco, meio amargo e espumante!

Na fábrica artesanal também são feitos ovos de Páscoa trufados, barras de chocolate belga 70% cacau, barras de chocolate trufado, pirulitos de chocolate e uma barrinha recheada com leite condensado – uma receita de infância que a Ju conseguiu reproduzir à perfeição.

A exclusividade de quem contratar os roteiros personalizados do Rogério para o Vale dos Vinhedos é IMPERDÍVEL! Já imaginou viver um dia de “A Fantástica Fábrica de Chocolate”? Isso mesmo – visitar a produção da Devorata e “colocar a mão na massa” – adultos e crianças poderão fazer seus próprios pirulitos de chocolate e as deliciosas trufas. Uma experiência de viagem para guardar na memória e no coração pra sempre!

 

Pousada Borghetto Sant’Anna

A Pousada Borghetto Sant’Anna é o local ideal para quem valoriza e busca privacidade, sem aglomerações. O lugar é ideal para quem curte viver o turismo rural em sua essência – com charme mas sem qualquer tipo de afetação. O local é pra quem curte sossego, conforto, privacidade e exclusividade – e arquitetura com decoração acolhedora da Toscana.

A pousada é composta por apenas oito unidades exclusivas, compondo um ambiente de muita paz, integrado e em harmonia com a natureza. Em tempos de isolamento social, é uma alternativa maravilhosa aos tempos difíceis em que vivemos nas grandes cidades para uma “escapada” de final de semana com muita paz e sossego – além de ar livre, liberdade…

Vantagens Pousada Borghetto Santanna e Rogério Milani

Os detalhes da pousada encantam – originalmente, era uma propriedade de uso familiar. Sua localização privilegiada e vista do Vale dos Vinhedos transformaram o local numa possibilidade de negócio e, hoje, a Pousada Borghetto Sant’Anna oferece quatro suítes (Rocca, Belvedere, Umbu e Conde) e três Casas de Pedra (Casa Paterna, Casa das Fronteiras e Casa das Ervilhas), para experiências únicas em turismo!

Para quem contrata os roteiros de Rogério Milani na Serra Gaúcha, a Pousada Borghetto Sant’Anna oferece uma vantagem exclusiva: um espumante para os hóspedes e possibilidade de upgrade para uma das Casas quando a reserva for para Suíte! Para o upgrade, há apenas uma condição: a disponibilidade de uma das três casas – mas, havendo a disponibilidade, o upgrade é garantido!

Confira mais fotos desse local incrível:

Restaurante Valle Rústico

Mais que um restaurante, o Valle Rustico é uma pequena propriedade rural incrustada no coração da Serra Gaúcha. Como referência da ecogastronomia no Brasil, o premiado chef Rodrigo Bellora defende uma culinária sazonal e da terra, que nasce em torno da agricultura familiar e ingredientes locais num conceito que ele próprio denomina como “Cozinha de Natureza”. São 10 anos de história que o restaurante completou em 2019, já totalmente consolidado como um dos melhores lugares para se comer na Serra Gaúcha para quem curte experiências diferenciadas.

Parceria Valle Rústico e Rogério Milani

Crédito: Gabriely Willms

Essa vida que alimenta a cozinha autoral do chef nem sempre pode ser vivenciada pelos clientes, mas para quem contratar os roteiros pelo Vale dos Vinhedos de Rogério Milani, há um benefício exclusivo! Um tour pela roça, num passeio pelas áreas cultivadas do restaurante. O passeio vai mostrar a lida com a terra e o cuidado que o restaurante tem na preservação de sementes e espécies características da Serra Gaúcha – a exemplo do milho e abelhas nativas sem ferrão. Depois do passeio pela propriedade, colheita e explicações sobre os produtos orgânicos, você vai degustar um espumante na Green House e depois, fazer um almoço completo e harmonizado. Normalmente tudo isso acontece com a condução do chef e proprietário Rodrigo Bellora.

O Valle Rustico trabalha apenas com menus surpresa em estilo degustação: de seis ou dez etapas. A primeira opção é totalmente baseada na filosofia Quilômetro Zero. Ou seja: todos os ingredientes são cultivados no Valle Rustico ou vêm de produtores muito próximos ao restaurante. Esse conjunto de pratos apresenta ao cliente a biodiversidade local e o trabalho do chef Rodrigo Bellora na preservação da herança gastronômica da região. É usado um grande número de frutas nativas, Plantas Alimentícias Não-Convencionais (PANCs), sementes crioulas e mel de abelhas nativas sem ferrão.

Confira mais fotos desse lugar incrível:

Hotel Boutique LOTE20

No coração dos Caminhos de Pedra, em Bento Gonçalves, fica o Hotel Boutique LOTE20, um hotel boutique que oferece exclusividade, silêncio, conforto e uma experiência exclusiva em hospedagem para quem quer curtir um dolce far niente na Serra Gaúcha!

Vantagens LOTE20 e Rogério Milani

O novíssimo hotel tem suítes com uma vista linda, cada uma delas tem decoração exclusiva e fica super bem localizado para quem quer curtir o melhor dos Caminhos de Pedra e o Vale dos Vinhedos com privacidade, silêncio e aconhego – o LOTE20 é ideal para uma viagem a dois pela Serra!

Em tempos de isolamento social, a experiência adquire novos contornos – a saudade da vida ao “ar livre” e a exclusividade do LOTE20 tornam-se uma possibilidade ainda mais atraente de viagem! E, para quem contrata os roteiros de Rogério Milani na Serra Gaúcha, o LOTE20 oferece vantagens exclusivas: quem reservar as suítes 1, 2 ou 3 ganha um vinho branco ou tinto LOTE20. O cliente que reservar as suítes 4 ou 5, pode pedir upgrade para suíte 7 com banheira sem custo (mediante disponibilidade da suíte 7). E o cliente que reservar suíte 7 ganha um espumante Brut, Rosé ou Moscatel.

Confira mais fotos deste local fantástico:

Restaurante Casa Olga

A Casa Olga é um restaurante diferente, que tem cara de casa de avó – e costumava ser uma!

Parceria Casa Olga e Rogério Milani

As irmãs Marta e Morgana decidiram abrir um restaurante na casa da sua avó pensando em tudo o que o lugar significava e também no carinho especial que nutrem pelo espaço.

As duas tem carreiras diferentes – Marta é arquiteta e Morgana tem formação em economia e hotelaria – e, depois de morarem por alguns anos na Europa, retornaram ao Rio Grande do Sul  e abriram o restaurante. A paixão pela gastronomia está no sangue e o resultado é a Casa Olga, que fica em Monte Belo do Sul, aberto em 2017.

Ali, na antiga casa, funciona o restaurante que não apenas tem um toque vintage – tudo ali transborda história familiar, amor e respeito pelas tradições passadas de geração a geração.

Aqui no blog temos um post relatando como é gostoso passar algumas horas na histórica casa e comer a deliciosa comida que perfuma todo o lugar! A gente adora o que elas criaram com o Menu da Nonna, que consiste no italianíssimo cardápio a seguir: sopa de capeletti, polenta brustolada, salame frito, fortaia, radicci com bacon, tortei e costelinha de porco com a sobremesa do dia, uma deliciosa panna cotta.

Para quem contrata os roteiros de Rogério Milani no Vale dos Vinhedos/Serra Gaúcha, a Casa Olga tem uma experiência incrível e super exclusiva a oferecer: uma oficina de massa, para fazer a “pasta” como no tempo da nonna, com as proprietárias e chefs Marta e Morgana, preparando o próprio almoço ou jantar! Incrível demais, né?

Parceria Casa Olga e Rogério Milani

Confira mais fotos da Casa Olga:

Vinhos Cristófoli 

A família Cristófoli tem uma história linda de imigração: Angelo Cristofoli e sua esposa, Maria Dalla Senta vieram da Itália para o Brasil sonhando com uma vida mais próspera e feliz há 130 anos.Instalaram-se em Faria Lemos, região da Serra Gaúcha, e ali começaram a plantar uva e produzir vinho, como muitos imigrantes da região.

Experiência Vinhos Cristófoli e Rogério Milani

Créditos: Ás de Espadas

Inicialmente, eles produziam apenas para consumo próprio mas o pioneiro Angelo sempre sonhou em ter uma vinícola! Sabendo disso – e honrando a força da ancestralidade – há 33 anos, o sonho dele virou realidade e era criada a Vinhos Cristófoli.

Hoje, a quarta geração da Família no Brasil, Bruna, Letícia e Lorenzo Cristofoli, já faz parte dos negócios, administrando, cuidando da vinificação e do atendimento aos visitantes.

A Vinícola Cristofoli faz parte da Rota Turística Cantinas Históricas e Vale do Rio das Antas, em Bento Gonçalves, um lugar lindo e com vistas espetaculares, que você vai adorar conhecer e que cultiva os mesmos valores e amor pelos saberes e fazeres que os imigrantes que aqui vieram viver deixaram.

Experiência Vinhos Cristófoli e Rogério Milani

Uma das experiências mais incríveis por lá é o Edredon nos Parrerais: uma degustação orientada dos vinhos e espumantes para escolha de qual variedade levará para beber no vinhedo.

Depois disso, eles preparam uma experiência de duas horas de permanência privativa no vinhedo. Só curtindo o sossego! A experiência inclui uma garrafa de vinho ou espumante – exceto linha Instinto – e também duas tábuas com uma seleção de frios e produtos regionais: brusquetas de tomates, pão e focaccia, azeite de oliva gaúcho, queijos regionais, culatello e salame, frutas frescas, frutas desidratadas, damascos e azeitonas, espetinho caprese, amêndoas, amendoins, castanha do Pará, castanha de caju e nozes pecãs, e geléia de uvas ou de figos.

E, para quem contrata os roteiros de Rogério Milani na Serra Gaúcha, a Cristófoli oferece uma taça a mais de vinho na degustação e, para quem contratar a experiência do Edredon nos Parrerais, há uma garrafa de vinho a mais – você pode decidir se bebe ali ou leva pra casa!

Confira mais fotos deste incrível local:

 

Cinco Cepas Vinheria

Pensa num lugar charmoso, acolhedor, com decoração contemporânea e excelente atendimento…. Esse é o Cinco Cepas Vinheria, que fica em Bento Gonçalves! Um lugar para apreciar uma taça de vinho de forma descontraída com boa gastronomia e trilha sonora.

parceria Cinco Cepas Vinheria e Rogério Milani

O Wine Bar fica junto do conhecido Hotel Laghetto Viverone e tem em seu DNA a proposta de ser um ambiente descontraído para reunir amigos, petiscar e provar bons vinhos seja nas bancadas altas, mesas compartilhadas ou no próprio balcão do bar.

Separada por diferentes tipos de uva, a carta traz desde excelentes vinhos brasileiros aos rótulos mais representativos das principais regiões e vinícolas do mundo. E, se você não souber que vinho ou drink escolher, é só perguntar pro staff de lá, super atencioso – eles vão te indicar algo bacana!

E, se você é como eu e adora provar vinhos diferentes, pode optar por pedí-los em taças – e há muito o que beber por lá, a carta de bebidas é vasta e diversificada! São espumantes, vinhos brancos, tintos e até vinhos de sobremesa, e ainda há rótulos selecionados que são servidos com o sistema Coravin.

O menu acompanha a proposta inovadora deles: no cardápio, você encontra apenas opções para petiscar e comer no melhor estilo: com as mãos. Tudo delicioso e fresquinho!

Um dos produtos deles que eu mais adoro são as mini degustações temáticas da região – elas acontecem mediante reserva em datas de terça a sexta, sempre às 17h e com temas predifinidos. Elas costumam acontecer para um grupo mínimo de 8 pessoas – mas tem exceção para quem contrata os roteiros do Rogério Milani! Você também receberá do sommelier da casa breve explanação sobre a região, as vinícolas e vinhos degustados.

Para quem contrata os roteiros de Rogério Milani no Vale dos Vinhedos e Serra Gaúcha, há uma experiência exclusiva! Não há necessidade de um número mínimo de pessoas para agendar um atendimento/degustação no Wine Bar! E que tal a degustação de rótulos exclusivos, que não estão no menu? Também está entre as exclusividades desta parceria um desconto especial nas compras da loja (não válido para o consumo no bar).

Confira mais fotos deste lugar que eu adoro e virou o meu preferido em Bento Gonçalves:

Di Paolo Cucina Della Serra Gaúcha

O Di Paolo Cucina Della Serra Gaúcha começou sua trajetória em 1994, quando foi inaugurado o Giuseppe Posto Per Mangiare, em Garibaldi, na Serra Gaúcha, pelo sócio-fundador Paulo Geremia.

Exclusividade Di Paolo e Rogério Milani

O nome foi uma homenagem ao patriarca da família de imigrantes italianos e avô do seu fundador, Giuseppe Geremia, que saiu da Província de Vicenza, na região do Vêneto, e chegou ao Brasil em 1890.

Na essência da marca, Paulo Geremia trouxe a autenticidade e a originalidade da iguaria típica da imigração italiana na região, o galeto al primo canto.

A ave jovem, de aproximadamente 500 gramas, finamente temperada, é assada em brasa e servida com sopa de capeletti e pão colonial, saladas de radicci com bacon, de folhas verdes e de batata com maionese, polenta frita e brustolada, massas e molhos.

Parece algo simples, mas é a receita do sucesso absoluto do Di Paolo Cucina Della Serra Gaúcha, que difunde e perpetua a cultura da imigração italiana no Rio Grande do Sul.

Pela qualidade da cozinha e pelo sabor, foi eleito por mais de 10 anos consecutivos pelo Guia Quatro Rodas o melhor galeto do Brasil.

Sucesso de público, o restaurante tem mais de 25 anos e diversas filiais espalhadas por todo o Rio Grande do Sul, uma em Santa Catarina e duas em São Paulo!

A experiência de almoçar ou jantar no DiPa (como os amigos chamam carinhosamente o lugar) é única e a fartura e sabor incrível da comida estão garantidos sempre para quem vai até o Di Paolo.

E para quem contrata os roteiros de Rogério Milani no Vale dos Vinhedos e Serra Gaúcha, há uma experiência exclusiva! Que tal um almoço ou jantar na companhia do proprietário Paulo Geremia, ouvindo suas histórias e provando vinhos da região?

Paulo é um grande amigo do Rogério, empresário de sucesso e gente boníssima, cheio de histórias pra contar e com vasto conhecimento de gastronomia e vinhos da nossa região! Demais, né?

Exclusividade Di Paolo e Rogério Milani: um papo com o fundador e degustação de vinhos da região

Confira mais fotos deste restaurante fantástico:

Osteria della Colombina

A Osteria Della Colombina proporciona o melhor da gastronomia típica dos imigrantes italianos para os turistas com uma simpatia única! Numa casa familiar no interior de Garibaldi, dona Odette Bettú Lazzari e suas filhas transformam a experiência de almoçar em algo único e, pra todas as pessoas que já as indiquei, simplesmente inesquecível!

Mas vamos começar do começo: a Osteria Della Colombina foi criada em 2001 quando, num movimento pioneiro para a época, Odete (essa simpatia de senhorinha aí em cima) decidiu iniciar seu empreendimento na zona rural – iniciando, assim, a chamada Estrada do Sabor, que reúne famílias de agricultores que, hoje, vivem do turismo e de receber bem. Ela ficou viúva e precisava prover para as filhas – juntou as receitas de suas ancestrais italianas e, aos poucos, foi adaptando o porão da sua casa e transformando numa “osteria” (basicamente hospedarias de beira de estrada de famílias onde são servidas refeições de comida caseira). O “colombina” do nome é devido a um pãozinho feito à mão pela Dona Odete que todos ganham de presente – a iguaria é um clássico desta região de colonização italiana!

Na minha opinião, almoçar na Osteria della Colombina é uma experiência deliciosa e você se sente no porão de uma casa da nonna saboreando comida típica e curtindo uma casa histórica que fica no interior de Garibaldi! A propriedade é toda linda, a maioria dos insumos vem da horta orgânica delas e o atendimento é super personalizado e caloroso – como a proposta pede!

A comida é um capítulo à parte! Típica, farta e muito, mas muuuuito saborosa! Não tenho um prato favorito – tem que provar TODOS os pratos! E, além de servir almoços e jantares de gastronomia típica, a família elabora produtos como doces de frutas em pasta, geleias, compotas e conservas – todos feitos com matéria-prima orgânica extraída na propriedade.

Para quem contrata os roteiros de Rogério Milani no Vale dos Vinhedos e Serra Gaúcha, há um mimo especial da Osteria! Quem contrata os roteiros do Rogério ganha um kit especial com produtos produzidos na propriedade – todos são deliciosos e feitos à mão, com insumos orgânicos e muito amor na receita! Demais, né?

Confira mais fotos deste restaurante espetacular:

Recomendados por Rogério Milani para uma viagem perfeita
Guias, transfers, hospedagens e outros serviços para uma viagem tranquila e segura
Alugue seu carro com a RentCars
Reserve seu hotel
Compre seu ticket de trem
Evite filas nas atrações turísticas e programe seus bate-volta comprando ingressos e passeios antecipados com Ticketbar
Reserve seu voo
Viaje tranquilo com seu seguro viagem Seguros Promo, Real Seguros ou World Nomads
Serviço de câmbio confiável e com boas taxas, com desconto para leitor do Viajando: Confidence

___

Tags

Trackbacks/Pingbacks

  1. 3 dias no Vale dos Vinhedos - uma viagem curta e inesquecível para a região dos melhores vinhos do Brasil - […] de ótimos restaurantes não faltam, quem sabe começar pelo Galeto Di Paolo ou então pelo cozinha de autor Valle…
  2. Lugares românticos no Vale dos Vinhedos - Dicas para organizar sua viagem - […] eu indico para os amigos e clientes as pousadas Borghetto Sant’Anna, Don Giovanni ou a Lote20, ou ainda o…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *