Conhecendo os arredores de Paris: 5 lugares incríveis para bate-voltas

por | Atualizado em 20/05/24 | Europa, França, Paris

Já pensou em visitar Paris e, além disso, conhecer outros lugares incríveis que ficam bem pertinho da capital francesa fazendo bate-voltas? Neste artigo, falaremos sobre destinos como o Palácio de Versailles, Castelo de Chantily, Vale do Loire, Disneyland Paris e os Jardins de Monet em Giverny e como chegar até lá. Bora? 🙂

Fonte: Falando da França

Por que realizar um bate-volta?

Algo muito legal sobre a Europa é a possibilidade de conhecer cidades e países completamente diferentes e desbravar novos lugares de maneira simples e rápida. Isso porque o transporte de trem, além de ter um bom custo benefício, é uma das melhores e mais seguras formas de se deslocar por lá.

Dessa forma, se você é do tipo de pessoa que gosta de conhecer o máximo de lugares possíveis, realizar bate-voltas seria uma ótima oportunidade para colecionar mais histórias. Além disso, todos os destinos que indicaremos neste artigo possuem, no máximo, 1h30min de distância de Paris (exceto o Vale do Loire, que é um pouco mais longe). Você pode conhecer um a cada dia! Não é demais?

Ah, e se você quer saber mais sobre os melhores meios de transporte para viajar para Europa, temos um artigo exclusivo aqui no blog sobre o assunto. É só clicar aqui!

1 . Palácio de Versailles e seus jardins

Quando falamos sobre os arredores de Paris, o Palácio de Versailles é um dos destinos mais clássicos. Com sua belíssima arquitetura e uma rica história, o palácio foi o símbolo da monarquia absolutista por muitos anos durante os séculos XVII e XVIII.

Na época da construção do Palácio, Versalhes era uma cidade rural. Sendo assim, famoso por ser o centro do poder do Antigo Regime na França, é conhecido por ter sido casa do famoso Rei Sol, Luis XIV e seu grandioso poder absoluto. Seu reinado durou 72 anos e 110 dias e é o mais longo da história europeia.

Palácio de Versailles
Fonte: France TV Pro

Atualmente, o Palácio de Versailles é um ponto turístico que te convida a uma verdadeira imersão pela história francesa. Além do interior recheado de detalhes, você pode também passear pelos jardins e contemplar toda beleza que o espaço tem a oferecer. Ah! Nós recomendamos que você chegue pela manhã e passe o dia inteiro, para curtir a experiência por completo.

Como chegar até la?

Como já falamos anteriormente, o transporte público é uma das maneiras mais fáceis de realizar esses bate-voltas. Para o Palácio de Versailles, utilizar o trem RER é uma boa alternativa. Com o trem RER Linha C, você chega diretamente ao palácio em uma viagem que dura aproximadamente 1 hora. Contudo, fique atento e certifique-se de pegar o trem na direção Versailles Château – Rive Gauche, pois há uma bifurcação na linha.

Saindo do trem, você terá que andar cerca de 10 minutos para chegar ao Palácio de Versailles. O caminho é bem sinalizado e fácil de chegar. Além disso, a passagem é acessível e custa cerca de 8 euros (ida e volta).

Horário de funcionamento

As visitas ao Palácio de Versailles, no prédio principal, podem ser feitas de terça à domingo, das 9h às 18h30. O local fica fechado nas segundas. Já o Grand Trianon e Petit Trianon estão abertos para visitas à partir das 12h, e também não abrem nas segundas.

Os jardins de Versailles ficam abertos das 8h às 20h, todos os dias. Já a Galeria das Carruagens abre às 12h30 e fecha às 18h30, e não fica aberta nas segundas.

Sobre os ingressos

Você pode realizar as compras dos ingressos pessoalmente ou pela internet. Nós indicamos que a compra seja feita online e com antecedência, para evitar perder tempo na fila.

Além disso, existem vários tipos de ingressos disponíveis. O mais conhecido é o passaporte, bilhete que dá acesso a toda a propriedade de Versailles. Este inclui a visita por Château, propriedade Trianon, Galeria das Carruagens e todos os jardins. O valor do bilhete custa 32 euros e o passeio possui audioguia.

Para adquirir o seu ingresso, acesse o site da Tiqets, empresa parceira do Viajando Bem. Dessa forma, você também pode conferir os outros pacotes de passeios que o local oferece. E aí, tá esperando o que para viver essa experiência? 😉

2 . Castelo de Chantilly

O Castelo de Chantilly, situado a aproximadamente 50km ao norte de Paris, é um ótimo destino a se visitar na França. O monumento histórico ligado a François Vatel, criador da receita culinária do creme de chantili, possui dois edifícios principais: o Grand Château e o Petit Château.

Castelo de Chantilly
Fonte: Ohlala!

Cercado por uma floresta e conservando uma arquitetura medieval, o Castelo de Chantilly é um museu que possui um importante acervo cultural e histórico. Sendo assim, pela sua enorme coleção de pinturas e arte clássica, o local é considerado o segundo maior museu francês de pinturas antigas após o Louvre.

O museu possui uma biblioteca rica com arquivos, livros raros e valiosos (que contém 13 mil manuscritos) e coleções dos nobres de Chantilly, membros das famílias Montmotency e Bourbon-Condé. Além disso, a beleza de seus jardins encanta quem passa por lá.

Como chegar até lá?

O trajeto dura 30 minutos de trem a partir do centro de Paris. Para chegar até lá, você pode pegar um trem comum saindo da Estação Gare du Nord, em Paris. O sentido é Amiens, e você vai descer na estação Chantilly – Gouvieux.

Outra opção é pegar o Trem RER Linha D, desembarcando na mesma estação. Porém, o trajeto dura 45 minutos. Da estação “Chantilly-Gouvieux” chega-se ao castelo a pé (20 minutos de caminhada), de táxi (cinco minutos de trajeto) ou com o ônibus DUC (Desserte Urbaine Cantilienne) até a parada Chantilly, église Notre-Dame. O ônibus é de graça, porém não circula aos domingos.

Horário de funcionamento

O horário de funcionamento para visitas ao Castelo de Chantilly é das 10h às 18h, não abrindo na terça-feira. Durante a alta temporada (abril-outubro) os jardins fecham em 20h e durante a baixa temporada (novembro-março) em 18h. Além disso, você pode entrar até 1h antes do horário de encerramento.

Sobre os ingressos

O valor do ingresso para conhecer o Castelo de Chantilly é de 18 euros para pessoas acima de 25 anos, e inclui a visita ao castelo, jardins e grandes cavalariças, além do acesso a demonstrações equestres e exposições temporárias. Contudo, se você tem de 7 a 25 anos, o valor do bilhete é reduzido e custa 14,50 euros.

Além do mais, as visitas contam com a presença de um guia turístico e os idiomas podem ser: inglês, espanhol, francês, japonês e chinês. Para garantir o seu ingresso, visite o site oficial do Castelo ou compre pela Tiqets, empresa parceira do blog.

3 . Vale do Loire

Declarado Patrimônio Mundial da Unesco em 2000, o Vale da Loire – como o mesmo nome já diz, é a região às margens do rio La Loire –  é mundialmente conhecido como a região dos castelos franceses, em sua maioria da Idade Média.

Castelo do Vale do Loire
Fonte: Viajoteca

Conhecido como o Jardim da França e o Berço da Língua Francesa, o Vale do Loire possui mais de 300 castelos, que ilustram os ideais do Renascimento e do Iluminismo na Europa Ocidental. Sendo assim, seus grandes monumentos arquitetônicos compõem uma paisagem cultural única juntamente com as vilas, aldeias históricas e os famosos vinhos do Vale.

Com destaque especial, estão os castelos ligados ao emblemático pintor Leonardo da Vinci, repletos de arte renascentista. Chambord, o maior de todos, foi o Castelo projetado por Da Vinci. Já o charmoso Castelo Clos Lucé, (sec. XV) foi a última morada do pintor italiano e, no Castelo de Amboise, encontra-se o seu túmulo, dentro de uma linda capela.

Como chegar até lá?

O Vale do Loire fica a aproximadamente 130km de Paris, com muitos castelos que valem a visita. Porém, há uma distância significativa entre esses castelos, que podem estar localizados em cidades diferentes ao longo das margens do Rio Loire. Sendo assim, a maneira mais proveitosa de curtir essa viagem seria de carro!

Além da independência que a viagem de carro proporciona, você pode visitar os castelos que quiser no seu ritmo. Para isso, recomendamos a empresa Rentcars, parceira do blog e especialista em aluguel de carros. Reserve com antecedência e curta o seu passeio com lazer e segurança!

Sobre os ingressos

Como são mais de 300 castelos, o preço dos ingressos varia de acordo com cada um. Contudo, você pode entrar no site dos principais lugares e agendar sua viagem clicando nos links a seguir:

Chambord / Clos Lucé Chenonceau / Tours

4 . Disneyland Paris

Se você gosta de parques temáticos e de se divertir pra valer, com certeza você vai adorar conhecer a Disneyland Paris! Com dois parques, sete hotéis e um centro de entretenimento, a visita até lá é uma experiência única e marcante, seja para crianças e até mesmo para adultos.

Disneyland Paris
Fonte: Disneyland Paris News

O primeiro parque, conhecido como Parc Disneyland, é dividido em 5 terras mágicas, são elas: Main Street U.S.A®, Discoveryland®, Fantasyland®, Adventureland® e Frontierland®. Tem como destaque o Castelo da Bela Adormecida e 35 atrações incluindo a do filme Piratas do CaribeStar Tours (simulador baseado na série cinematográfica Star Wars), a montanha russa Space Mountain 2 e a atração Indiana Jones. Além disso, você encontrará todos os personagens famosos, assistirá ao desfile Disney Magic e Disney Dreams, além da aventura Buzz Lightyear Laser Blast.

Já no segundo parque, o Parc Walt Disney Studios, você encontrará o fantástico mundo dos bastidores do cinema, da televisão e da animação. Ele é dividido em quatro zonas: Front Lot®, Toon Studio®, Production Courtyard® e Backlot®. Além do mais, você encontrará as famosas atrações The Twilight Zone Tower of Terror – o elevador que despenca – e a montanha russa Rock’n’Roller Coaster ao ritmo da banda Aerosmith.

Disney Village possui ainda cinemas, lojas e restaurantes além de espetáculos de dança e shows. A diversão é garantida para a toda a família!

Como chegar até la?

A Disneyland Paris fica a apenas 30km do centro de Paris, e a melhor forma de chegar até lá é indo de trem. Para isso, basta pegar a linha vermelha de trem, conhecida como Linha RER A, e ir na direção de Marne-la-Vallée – Parcs Disneyland. A viagem dura cerca de 45 minutos e é super tranquila. Além do mais, a estação é bem na entrada do parque, então basta procurar pela placa Sortie (Saída).

O valor das passagens é, aproximadamente, 80 euros ida e volta.

Sobre os ingressos

Você pode comprar o ingresso apenas para um parque ou para os dois. Para os adultos, o preço para visitar apenas um parque é 105 euros, e para visitar os dois fica 130 euros. Para crianças de 3 a 11 anos, a visita de um parque é 97 euros e, para visitar os dois parques, o preço é 122 euros. Além disso, crianças menores de 3 anos tem acesso gratuito aos Parques Disney.

Para saber mais informações sobre preços, atrações e horários, acesse o site oficial da Disneyland Paris. Dessa forma, você pode escolher o que faz mais sentido para você e sua família!

5. Os jardins de Monet, em Giverny

Um dos maiores pintores da história da arte, Claude Monet, ficou muito conhecido por seus quadros impressionistas em que retratava belíssimos jardins. Sua inspiração são os hoje chamados Jardins de Monet, que ficam na região de Giverny, onde ele morou.

Jardim de Monet
Fonte: França entre amigos

Ele adorava cuidar dos jardins e, hoje, eles estão abertos para o público entre o início de abril e o fim de outubro. Do começo de novembro ao fim de março, os jardins estão fechados para visitação e a época mais bonita para conhecê-los é maio.

Além dos lindos jardins com uma diversidade incrível de plantas e flores, Giverny é uma cidade super charmosa que tem muito mais a oferecer. Você pode caminhar pelas ruelas contemplando a beleza da cidade, tomar um café nos restaurantes ao ar livre e visitar os ateliês de diversos artistas.

Como chegar até lá?

Giverny fica localizada a aproximadamente 75km de Paris. Para chegar até lá, você pode contratar os serviços de um guia brasileiro que mora na França e te leva até Giverny, o Daniel – o serviço inclusive tem desconto para nossos leitores.

Outra maneira de ir até Giverny é pegando um trem na estação Gare St. Lazare, no 9º arrondissement, servida por quatro linhas do metrô (3, 12, 13 e 14) e uma de RER (linha E) com destino a cidade vizinha de Vernon. Eles saem de Paris de duas em duas horas. 

Ao chegar em Vernon, placas indicarão o ônibus para você chegar nos jardins de Monet, em Giverny. Além disso, os horários combinam sempre com a chegada dos trens de Paris e a passagem é paga diretamente para o motorista do ônibus.

A viagem de trem dura, aproximadamente, 45 minutos de Paris até Vernon e custa em torno de 20 euros. Entretanto, você ainda deve pegar o ônibus de Vernon para Giverny. Esse trajeto dura aproximadamente 15 minutos e custa em torno de 5 euros ida e volta.

Sobre os ingressos

O ingresso para visitar os Jardins de Monet custam 12 euros para adultos e 7,50 euros para crianças. Além disso, recomendamos que você compre seus ingressos antecipadamente, para evitar filas. Você pode adquirí-los no site oficial da Fundação Monet

Seguro viagem obrigatório na Europa

E aí, ficou com vontade de conhecer Paris e seus arredores com lindos destinos? Então, lembre-se que o seguro viagem é obrigatório para viagens para a Europa! Se você nunca ouviu falar sobre isso e quer saber mais, leia nosso post sobre o seguro viagem e todas as dicas para contratar este serviço. Assim, você viaja com segurança e pode curtir muito o que a Paris e seus arredores tem para oferecer!

Cidade de Paris
Fonte: Esse Mundo É Nosso

Quer saber mais?

Ficou com vontade de saber mais sobre Paris? Se você tem dúvidas de como se locomover na capital francesa, temos um artigo exclusivo sobre o transporte em Paris, como chegar e se locomover na cidade.

Além disso, vale conferir o artigo sobre Segurança em Paris: o que você precisa saber antes de ir para as Olimpíadas, exclusivo do Viajando Bem. 😉

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendados por Rogério Milani para uma viagem perfeita

Guias, transfers, hospedagens e outros serviços para sua viagem.
Conheça nossos parceiros!
Alugue seu carro com a Rentcars
Reserve seu hotel no exterior com a segurança do Código de Defesa do Consumidor do Brasil
Compre seu ticket de trem em português e com poucos cliques
Evite filas nas atrações turísticas e programe seus bate-voltas comprando ingressos e passeios antecipados com a Tiqets/Ticketbar
Compare e compre seu voo com Skyscanner
Viaje com tranquilidade emitindo seu seguro viagem com a Real Seguros
Cartões de débito para viagem com o melhor câmbio e as menores taxas do mercado! Eu recomendo a Wise
Já pensou ter custo zero com sua hospedagem nas próximas viagens? Então conheça a Home Exchange!
Artigos e equipamentos recomendados para sua próxima viagem!